Home > Notícias

Notebooks perdidos causam quase US$ 50 mil em prejuízo para empresas

Prejuízo vai além do preço do equipamento e uso de criptografia reduz perdas quase que pela metade, aponta análise.

Redação do IDG Now!

27/04/2009 às 11h28

Foto:

Um estudo realizado pelo Instituto Ponemom, a pedido da Intel, revela que os custos com a perda ou o roubo de notebooks podem ser de quase 50 mil dólares anuais para uma empresa. De acordo com o levantamento, os laptops perdidos ou roubados em aeroportos, táxis e hotéis de todo o mundo custam às empresas uma média de 49.246 dólares ao ano.

Segundo o estudo, as empresas têm gastos com a substituição do aparelho, localização do equipamento roubado ou perdido, ciência forense, brecha de dados, perda de propriedade intelectual, perda de produtividade e despesas jurídicas, regulatórias e de consultoria. A brecha de dados representa 80% do prejuízo. No total, foram avaliados 138 casos de perda ou roubo de notebooks.

De acordo com a análise, se a perda do notebook for notificada no mesmo dia, haverá um custo de 8.950 dólares aos cofres da empresa. Depois de uma semana, o valor pode chegar a 115.849 dólares. Por outro lado, a pesquisa indica que o uso de criptografia contribui para reduzir este prejuízo. Um laptop perdido com um disco rígido criptografado está avaliado em 37.443 dólares, em comparação aos 56.165 dólares de um equipamento sem esta tecnologia.

Surpreendentemente, o computador do CEO não é o mais valioso, mas o de um diretor ou gerente. O notebook de um executivo sênior está avaliado em 28.449 dólares, enquanto o de um diretor ou gerente vale 60.781 dólares e 61.040 dólares, respectivamente.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail