Home > Notícias

Nova geração de filmes 3D da DreamWorks vai usar Intel em vez de AMD

AMD, que tinha parceria com a produtora de animações, foi substituída pela rival, que fornecerá processadores multicore.

ComputerWorld/EUA

09/07/2008 às 14h00

Foto:

A DreamWorks trocou a Advanced Micro Devices (AMD) pela rival Intel no momento em que se prepara para uma grande transição para animações em 3D no próximo ano.

As empresas anunciaram nesta quarta-feira (09-07) uma aliança, pela qual a Intel fornecerá chips multicore para os animadores. No ano passado, a DreamWorks, produtora de filmes como Shrek, Be Movie e Kung Fu Panda divulgou que será totalmente 3D em 2009, começando com o filme Monsters VS, Aliens, programado para estrear em março.

“Nosso objetivo é aumentar significantemente a experiência dos fãs de filmes”, disse o CEO da DreamWorks Jeffrey Katzenberg. "A tecnologia desempenha um papel importante ao permitir que nossos artistas contem grandes histórias. Utilizando os produtos da líder no setor de computação, vamos criar uma forma nova e inovadora para os cinéfilos experimentarem filmes em 3D”.

Essa é uma boa notícia para a Intel, mas uma má notícia para a AMD. Em abril de 2005, a AMD anunciou uma aliança com a DreamWorks – um negócio estratégico com prazo de três anos que previa avançar na tecnolgia dos computadores para produção de filmes. Agora, a Intel tomou seu lugar e é a única na aliança.

“Não é uma boa notícia para a AMD”, disse Charles King, um analista da Pund-IT.  “A Intel sempre tomará negócios da AMD, especialmente quando se trata de computação de alta performance. É uma grande vitória para eles. No curto prazo, é provável que importe mais o prestígio que o dinheiro, mas ter o processador associado à próxima geração de animações 3D poderia ser muito lucrativo a longo prazo”.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail