Home > Notícias

Nova série de chips Atom será usada em carros e até mesmo em robôs

Intel lançou hoje o processador Atom Z500 será usada em sistemas de entretenimento, além de netbooks e dispositivos móveis.

IDG News Service / EUA

03/03/2009 às 11h00

Foto:

A Intel detalhou seus planos para expandir o uso dos microprocessadores Atom, além de netbooks e dispositivo móveis de acesso à internet - Mobile Internet Devices (MIDs). Nesta segunda-feira (02/03), a empresa anunciou quatro novos chips que serão usados em produtos como sistemas de entretenimento em veículos, equipamentos de videoconferência, robôs e quiosques interativos, informou Doug Davis, vice-presidente do Digital Enterprise Group da Intel.

De acordo com Davis, os chips de baixo consumo de energia podem oferecer uma performance melhor em aplicações de multimídia e de conectividade em banda larga, que são demandas destes dispositivos.

A nova série Atom Z500 consiste em chips integrados do tamanho de uma pequena moeda, que consomem pouca energia - 2,5 watts de potência para rodar a velocidades entre 1,1 GHz e 1,6 GHz - e não precisam de coolers para funcionar. Os chips oferecem gráficos 2D e 3D integrados e serão produzidos no processo de 45 nanômetros da Intel.

A Intel também está buscando parceiros externos para expandir o uso de seus chips de baixo consumo. Ontem, a empresa anunciou uma parceria para compartilhar o design dos chips Atom com a Taiwan Semiconductor Manufacturing.

Com a aliança, os clientes da TSMC terão acesso à propriedade intelectual da linha Atom para customizar os processadores em áreas como GPS (Global Positioning System) ou tecnologias gráficas.

Carros e videoconferência
O novo Atom Z520PT pode suportar, por exemplo, um sistema para exibição de vídeos no carro sem comprometer a performance do veículo, destaca Davi.

Outro exemplo de uso dos novos Atom foi demonstrado pela Intel em parceria com a OpenPeak em um protótipo de telefone touchscreen para videoconferência chamado OpenFrame home IP (Internet Protocol). O aparelho também roda vídeos online e aplicações de redes sociais.

Como parte do anúncio, a Intel destacou que seus chips serão compatíveis com as aplicações automotivas desenvolvidas pela Microsoft, incluindo kits de desenvolvimento para a criação de sistemas de navegação e de chamadas telefônicas sem o uso das mãos, em veículos.

Os novos chips Atom começam a ser distribuídos no segundo trimestre. Os preços ainda não foram informados pela Intel.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail