Home > Notícias

Nova versão do Samsung Galaxy Tab 3 poderá ter processador Intel

Tablet teria tela de 10.1 polegadas, processador Intel Atom Z2560 a 1.6 GHz e sistema operacional Android 4.2

Agam Shah, IDG News Service*

21/05/2013 às 12h55

Foto:

De acordo com fontes familiares com os planos da empresa, a Samsung irá lançar em breve seu primeiro tablet Android baseado em um processador Intel. A decisão seria um “voto de confiança” da empresa no uso de processadores Intel em dispositivos móveis, algo que já é feito por concorrentes como a Motorola (RAZR i) e ASUS (FonePad).

Chamado de Galaxy Tab 3 10.1, o aparelho terá uma tela de 10.1 polegadas e será baseado em uma variante do processador Intel Atom chamada de Clover Trail+, diz a fonte. A Samsung ainda não anunciou o produto, mas um misterioso Galaxy Tab rodando Android 4.2 apareceu em vários sites especializados em benchmarks neste mês, atiçando os rumores sobre a existência do aparelho. De acorco com dados do site GFXBenchmark, o aparelho terá uma tela com resolução de 1280 x 800 pixels.

Uma porta-voz da Samsung se recursou a comentar, dizendo que nenhum produto foi anunciado. 

Detalhes

O Galaxy Tab 3 10.1 será o sucessor do atual Galaxy Tab 2 10.1, que era baseado em um processador dual-core de arquitetura ARM. Processadores ARM são amplamente usados em smartphones e tablets, segmentos onde a Intel luta para estabelecer uma presença.

No mês passado a Samsung anunciou uma versão do Galaxy Tab 3 com tela de 7 polegadas e um processador ARM dual-core rodando a 1.2 GHz. De acordo com a fonte a versão de 10.1 polegadas usará o processador Intel Atom Z2560, rodando a 1.6 GHz.

Seria uma grande vitória para a Intel, cujos chips já são usados em 15 tablets. A maioria deles roda o Windows 8, que não foi um grande sucesso. A Intel vem trabalhando duro para reduzir o consumo de energia e melhorar o desempenho de seus processadores Atom, com o objetivo de tomar um pouco do mercado da ARM.

Os processadores Clover Trail+ foram projetados principalmente para uso em smartphones e são usados em produtos como o Lenovo K900, que começou a ser vendido na China neste mês. Ainda neste ano a Intel irá lançar novos processadores Atom para tablets, de codinome Bay Trail, que devem ser mais rápidos e mais eficientes no uso de energia que os modelos atuais.

A Samsung também produz seus próprios processadores, a família Exynos, que é baseada na arquitetura ARM. Processadores dual-core e octa-core da família Exynos 5, baseados na arquitetura ARM Cortex A15, são usados no Samsung Galaxy S4, no Samsung Chromebook, e no tablet Nexus 10, desenvolvido em parceira com a Google.

* com informações de Rafael Rigues

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail