Home > Notícias

Veja o que a Apple deve lançar em 2012

Saiba como a companhia deve se comportar após a morte de Steve Jobs; iPad 3, iPhone 5 e iOS 6 estão entre apostas de novidades

Macworld / EUA

02/01/2012 às 14h55

Foto:

A ano de 2011 foi um período  com grandes mudanças e fatos atípicos na temporada passada, com novos sistemas operacionais e a morte de Steve Jobs. Mas  Apple não é o tipo de empresa que fica parada. Veja o que deve estar preparando para os próximos 12 meses:

iPhone 5 e iOS 6
Esperado para 2011, o iPhone 5 (se é que ele vai ter mesmo esse nome) deve finalmente chegar neste ano. Como a
companhia já criou um padrão em seus smartphones, o novo aparelho deve
trazer melhorias como um processador mais rápido (talvez o A6), mais
memória e uma câmera ainda melhor, além de possíveis novidades para a
realizar pagamentos diretamente pelo telefone.

E, é claro, o iPhone 5 provavelmente terá um visual diferente, para agradar a todos os que reclamaram do fato do iPhone 4S ser idêntico ao anterior iPhone 4.

Neste ano provavelmente também veremos a próxima versão do sistema
móvel da companhia, o iOS 6, que deve ser a atração principal da WWDC
2012.

Uma das mudanças do software deve ser um novo aplicativo de mapas,
uma vez que a relação da Apple com a Google já não é mais das melhores.
Assim, poderemos finalmente ver um app embutido de navegação passo a
passo – já se aproveitando do assistente pessoal Siri.

Por falar nisso, não seria nada chocante se o Siri finalmente
chegasse ao iPhone 4, como parte de um update do iOS 5 ou com o novo iOS
6. Além disso, esperamos o lançamento de suporte para mais línguas
(incluindo o nosso português brasileiro) e ainda mais recursos.

iphone4s_390c.jpg

iPhone 4S: Siri com versão em português e novos recursos

Novidades para o iPad
Com o lançamento nos EUA do rival Kindle Fire, da Amazon, a Apple
não deve descansar sobre o sucesso do seu produto e o iPad 3
deve chegar nos primeiros meses do ano. Quanto às  novidades, apostamos em
um processador melhor (talvez a estreia do A6) e mais memória RAM.

O
visual deve continuar igual ao anterior iPad 2, mas agora com a tela
retina (já presente no iPhone 4) e que dobraria a resolução do tablet
para 2048 x 1536 pixels. Além disso, a companhia pode melhorar as câmeras
do tablet, que deixam um pouco a desejar.

Não acreditamos muito nos rumores de um iPad de 7 polegadas. É mais
provável a Apple siga o padrão do iPhone, mantendo o iPad 2 no mercado
com um preço menor, enquanto que o novo tablet fique com o valor atual
do iPad 2.

Ataque de Macs
De todas as linhas de produtos da Apple, o Mac é provavelmente o que recebeu menos mudanças significativas no ano passado. Mas há algumas atualizações e tendências que devem chegar a esses produtos em 2012.

Com o sucesso do MacBook Air e o fim do clássico MacBook branco, é possível esperar por mudanças contínuas para deixar o resto dos portáteis da Apple mais parecidos com a linha de notebooks ultrafinos e leves. E, com o lançamento da tecnologia de transmissão de dados de alta velocidade Thunderbolt em 2011, é possível imaginar que muitas das entradas do robusto MacBook Pro possam deixar de existir nos próximos modelos.

O iMac e o Mac Mini receberam sólidas atualizações no último ano, mas mesmo assim devem receber melhorias mais simples, como velocidade, por exemplo, em 2012.

E, por fim, temos o Mac Pro, que não recebe uma atualização desde agosto de 2010. Seja qual for o motivo dessa demora, a linha deve ganhar um update de velocidade e a introdução do Thunderbolt – desde o lançamento do produto, em 2006, sempre houve um intervalo de mais de um ano entre as revisões.

Uma outra mudança que pode acontecer entre os Macs em 2012 é o aumento da presença de discos de estado sólido (SSD). Apesar de não ser para todos, esses HDs trazem benefícios como o ganho em performance e mobilidade (os computadores ficam mais leves por serem menores).

Sistema
No lado dos softwares, não espere ouvir nada sobre a próxima versão do Mac OS X Lion
até o final do ano. A Apple já foi clara em dizer que o sistema é um
produto maduro; por isso, haverá um intervalo maior entre os updates
principais.

Assim, a “maçã” deve deixar para fazer um evento específico de Macs
por volta de outubro, como aconteceu em 2010, para apresentar as
novidades em sistema para Macs, que só devem chegar em 2013.

 Apple TV
Atualmente um produto subestimado na linha da companhia, a Apple TV pode ganhar grandes novidades. Isso porque, como já publicamos, na biografia de Steve Jobs, o autor Walter Isaacson cita o executivo dizendo que tinha “descoberto” a interface de usuário para uma televisão da Apple. Isso fez aumentar muito o número de rumores sobre esse produto, quase como na época anterior ao lançamento do primeiro iPhone. Vale a pena ficar de olho.

appletv_390.jpg

Apple TV: será que Jobs descobriu a solução para o produto decolar?

Serviços online
Lançado em outubro de 2011, o iCloud deve ser o serviço da companhia a ganhar o maior número de mudanças no próximo ano. Entre as atualizações, podemos esperar um update para o iWork ou o Mac OS X que traga a habilidade de sincronizar melhor os dados entre os Macs e outros aparelhos iOS ou Macs, assim como dar uma suavizada em alguns dos problemas que o iCloud enfrenta desde sua chegada. Também será interessante ficar de olho em como está sendo a adoção do iTunes Match, lançado há pouco tempo (já disponível no Brasil).

Por último, a App Store deve continuar em seu ritmo crescente de novos apps e downloads. No lado do Mac, esperamos que a Mac App Store ganhe alguns recursos da sua loja irmã, como a habilidade de dar aplicativos de presente e alguma integração com redes sociais.

Novo chefe
Apesar da perda de Steve Jobs ter sido muito sentida na comunidade da Apple, não deve fazer tanta diferença no funcionamento da empresa. Pelo menos nos próximos anos, já que Tim Cook está àa frente da companhia há quase um ano (ele assumiu o cargo de CEO quando Jobs pediu licença temporária em janeiro de 2011).

Além disso, a Apple é uma companhia que trabalha com roadmaps para vários anos; assim, ainda veremos muitos produtos com o dedo de Jobs, sem contar toda a equipe de engenheiros, designers e programadores com o mesmo pensamento da companhia.

Resumindo, em 2012 espere por uma Apple muito parecida com o que você viu em 2011: atenta e, provavelmente, bem-sucedida.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail