Home > Notícias

O que deve mudar na iTunes Store com o Lala

Preços mais baixos e assinatura de serviço de streaming podem fazer parte da nova versão da loja, com a aquisicão do serviço musical

PC World/EUA

08/12/2009 às 10h25

Foto:

Com o acordo concretizado pela Apple, que estabelece a aquisição do site de streaming (transmissão de conteúdo online) de músicas Lala, o que podemos esperar do futuro da loja iTunes Store?

O Lala rastreia o disco rígido dos computadores de seus usuários e duplica suas bibliotecas de músicas, disponibilizando o conteúdo para outras pessoas via internet. Ele promete sete milhões de músicas gratuitas, além de recursos para a compra de canções por taxas que começam em 0,10 centavos de dólar.

Em outubro, o Lala fez um acordo com o Google para disponibilizar seu conteúdo nos resultados de pesquisa.

Em um comunicado, a companhia se limitou a afirmar que “não comenta os objetivos ou planos de suas aquisições e pequenas empresas", mas isso não impede que façamos uma lista do que podemos esperar do acordo:

183804-lala_original.jpg

Lala

1. Preços mais baratos e opção de streaming

Claro que não é pedir demais para a Apple reduzir o preço dos arquivos de MP3, ou mesmo permitir que façamos streaming das canções. Alguns usuários podem preferir ao invés de consumir a memória de seus iPhones e iPods touch, pagar os 0,10 centavos de dólar para ouvir a música através de uma rede Wi-Fi ou 3G.

Em 2008, Steve Jobs, principal executivo da Apple, disse preferir o streaming de filmes HD ao invés do Blu-Ray, por conta da complexidade tecnológica para atribuir uma licença e poucos reprodutores disponíveis no mercado. Então, por que não fazer o mesmo com o mercado da música?

2. Previews de músicas
O Lala, além de oferecer músicas mais baratas que a iTunes Store, deixa que o usuário ouça a canção por completo uma vez antes de comprá-la. Depois de escutá-la, o site ainda exibe seu clipe com até 30 segundos.

Ao ouvir uma música por completo, fica bem mais fácil  decidir se realmente vale a pena baixá-la, afinal, muitas delas só são boas no refrão.

3. Rádio Genius
O Genius busca pelas músicas da biblioteca do iTunes e sugere uma lista de reprodução com diferentes estilos. O recurso funciona muito bem, exceto pelo fato limitar as sugestões a sua biblioteca atual. Uma boa idéia seria acrescentar novas canções para serem vendidas ou assinaturas de streaming, como faz o popular site Pandora.

4. E por falar em Pandora...
Se vender streaming de músicas será um dos serviços da Apple, é melhora a empresa não começar a perseguir os aplicativos atuais que suportam o streaming, o que geraria uma nova leva de rejeições, que são desgastantes para a companhia, como aconteceu no caso do Google Voice.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail