Home > Notícias

Oito em cada dez TVs de tela fina vendidas no Brasil são de LCD

Tecnologia representa 84% das 2,5 milhões de TVs comercializadas em 2008. Modelos Full HD começam a ter maior fatia, diz GfK.

Guilherme Felitti, editor-assistente do IDG Now!

26/02/2009 às 18h29

Foto:

O varejo brasileiro em 2008 pavimentou a vitória do LCD sobre o plasma como tecnologia de televisão, segundo dados da consultoria GfK apurados pelo IDG Now!. Durante todo o ano, foram vendidas 2,5 milhões de TVs de ambas as tecnologias, com ampla vantagem para o LCD - 84% do total.

Para 2009, estima-se que a vantagem se amplie, segundo a consultoria, com a tecnologia de LCD respondendo por 90% das TVs de tela fina vendidas no mercado nacional.

Gisela Pougy, diretora de negócios para linha marrom da GfK, justifica o avanço do LCD pela erosão do custo nos aparelhos que usam a tecnologia: só em 2008, o preço médio da TV LCD caiu 32%. "2008 foi o ano da TV de LCD e 2009 tem tudo para ser de novo", diz.

Tanto que, no mercado total de televisores, o faturamento dos modelos de LCD já atinge 23% de todo o mercado, tradicionalmente dominado por equipamentos de tubo.

Para se ter ideia do avanço do LCD, sua participação no faturamento de todo o setor no ano anterior era de apenas 7%.

Outro dado merece destaque: em dezembro de 2008, um quinto de todas as TVs de LCD vendidas no Brasil já reproduz imagens em Full HD.

A ascensão das TVs planas, puxada majoritariamente pelo LCD, fomenta a formação de um ambiente mais propício aos investimentos em conteúdo de alta definição, seja novas iniciativas de comercialização de conteúdo multimídia ou uma aposta maior na popularização do Blu-ray no Brasil.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail