Home > Notícias

OLPC usará chips da Arm no XO-2 para aumentar duração da bateria

Organização quer que Microsoft desenvolva versão completa do Windows para novo laptop educacional.

do IDG News Service/EUA

12/03/2009 às 9h09

Foto:

A organização One Laptop Per Child (OLPC) anunciou na quarta-feira (11/03) que descartará processadores com a tecnologia x86 na próxima geração dos laptops educacionais XO-2, com o objetivo de aumentar a duração de sua bateria e melhorar seus recursos.

A 18 meses do lançamento do XO-2, o presidente da OLPC, Nicholas Negroponte, diz que a organização está 'quase' comprometida a usar o chip de baixo consumo de energia da Arm no laptop. Atualmente, o XO-1 usa o chip Geode, da AMD.

Com o objetivo de aumentar a duração da bateria no XO-2, também será possível, com a troca do processador, oferecer mais funcionalidades, relacionadas a gráficos e redes wireless - que o modelo anterior.

Negroponte afirma, contudo, que o chip da Arm pode trazer problemas ao rodar uma versão completa do Windows – eles rodam apenas o Windows Mobile. “Pedimos que a Microsoft crie o sistema completo para o Arm. Esta questão é complicada para eles”, diz.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail