Home > Notícias

Opinião: união entre Microsoft e Nokia é boa para a Apple

Acordo entre rivais para adoção de sistema Windows Phone 7 pode significar o fim de várias disputas judiciais entre a fabricante filandesa e a empresa de Steve Jobs

Tony Bradley, PC World / EUA

14/02/2011 às 10h59

Foto:

O “casamento” entre Nokia e Microsoft é oficial. A aliança para o mercado de smartphones combinando o sistema operacional Windows Phone 7, da segunda, com a força de produção de telefones móveis da primeira, pode significar um futuro melhor para ambas (ou uma desesperada última tentativa, sem sucesso).

O analista da consultoria IDC, Al Hilwa, afirma que “o fato dea Nokia apostar na nova plataforma para telefones da Microsoft é um incrível voto de confiança, mas também uma parceria natural em razão dos vários pontos de sinergia entre elas. A Microsoft realmente precisava de uma estratégia de hardware mais forte para competir com a Apple e a RIM e para fazer frente à onipresente plataforma Android.” 

Esta é apenas a "minha teoria conspiratória": tenho ficado de olho desde que Stephen Elop saiu da Microsoft para assumir a Nokia em setembro de 2010. Abandonar o Symbian e assumir o Windows Phone 7 parece ser uma ação bem orquestrada pela empresa de Steve Ballmer – uma "tomada subversiva de poder por dentro", que convenientemente fornece à Microsoft uma grande capacidade de desenvolvimento de smartphones, sem toda a burocracia financeira e regulatória que envolveria realmente comprar a Nokia. Mas, independentemente de como funcionará para os envolvidos, essa parceria traz boas notícias para a Apple.

O acordo entre as fabricantes é algo bom para a Apple – legalmente falando. Florian Mueller, um especialista em patentes de tecnologia e propriedade intelectual, explica em um post como a decisão de juntar forças com a Microsoft poderia significar o fim da conhecida batalha legal entre Apple e Nokia por supostas violações de patentes dos dois lados.

Deixando de lado as vantagens para a Microsoft e Nokia a partir dessa parceria – e apesar de minha teoria conspiratória – também existem benefícios legais para a Nokia nisso tudo. Se tivesse escolhido pular no vagão do Android, Elop teria exposto a empresa a outras violações de patentes e mais processos da Apple. Ao se unir à Microsoft, a empresa finlandesa possui uma lista de patentes maior para navegar e provavelmente poderá encerrar suas disputas legais com a companhia de Steve Jobs.

Mueller diz: “não posso imaginar que a Apple reivindicaria qualquer uma de suas patentes contra o Windows Phone 7. A Nokia agora está coberta pela Microsoft quanto aos aparelhos baseados no sistema Windows Phone, e já há um bom tempo desde que Apple e a Microsoft tiveram (e  acertaram) uma disputa por patente. Elas precisam uma da outra.”

Apesar de processos por patentes terem se tornado uma prática comum e uma estratégia competitiva para as empresas de tecnologia, eles acabam usando muitos recursos desnecessariamente. Mueller resume a questão dizendo que “não me arriscarei prever quando a Apple e a Nokia finalmente entrarão em um acordo, mas não seria surpresa se isso agora acontecesse em alguns meses.”

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail