Home > Notícias

Outro Apple I vai à leilão, e preço pode chegar a US$ 500 mil

Máquina funciona e inclui placa, manual e esquemático do circuito autografados por Steve Wozniak

Gregg Keizer

24/06/2013 às 13h01

Foto:

A casa de leilões Christie’s espera vender nesta semana, em um leilão especial que será realizado apenas online, um computador Apple I por até US$ 500 mil. A máquina é uma das menos de 50 sobreviventes conhecidas de um total de 200 unidades produzidas, e mais rara ainda pelo fato de que, de acordo com a Christie’s, funciona.

A expectativa é de que a raridade seja vendida por um preço entre US$ 300.000 e US$ 500.000.

Parece muito, mas não é impossível. No mês passado outro Apple I funcional foi vendido em um leilão na Alemanha por US$ 542 mil. O total pago pelo comprador, incluindo a comissão de 22,3% da casa de leilões e impostos, foi de US$ 671.400, um recorde. Esta venda superou o número anterior de US$ 640 mil por um Apple I estabelecido em novembro passado, também em um leilão conduzido pela Auction Team Breker em Colônia, na Alemanha.

Se o leilão da Christies irá estabelecer um novo recorde ou apenas chegar perto dos valores anteriores depende dela atrair o tipo de clientela que está disposta a pagar preços exorbitantes, disse Mile Willegal, um especialista no Apple I cujo catálogo de máquinas existentes é o mais completo em todo mundo.

“A questão é quantas pessoas tem tanto dinheiro assim”, disse Willegal via e-mail na última sexta-feira. “Os dois últimos Apple I leiloados foram para a Coréia, então se a notícia deste leilão chegar à Ásia, quem sabe?”.

Willegal, que rastreia o paradeiro dos Apple I existentes, disse que a máquina da Christies é novidade para ele. “Esse é provavelmente uma nova máquina que surgiu, o que é provável se ela realmente esteve nas mãos do proprietário atual por tanto tempo”, disse Willegal, referindo-se à uma notícia sobre a máquina na Associated Press. Segundo a nota o proprietário, identificado como Ted Perry, comprou a máquina em 1979 ou 1980 e a manteve em uma caixa de papelão desde então. A Christie’s se recusou a nos apresentar Perry para uma entrevista.

Mas Willegal não está surpreso de que o Apple I tenha aparecido “do nada”. Tenho certeza de que os altos preços faram com que mais algumas unidades surjam por aí”, disse ele.

Preços em disparada

Os preços dos Apple I subiram dramaticamente desde a morte do co-fundador e ex-CEO da Apple, Steve Jobs, em 2011. Um Apple I funcional foi vendido em Novembro de 2010 pela Christie’s por US$ 213.000. Menos de dois anos depois, em Junho de 2012, a rival Sotheby’s vendeu outra máquina funcional por US$ 374.500, na época um recorde.

Tanto dinheiro pode fazer com que golpistas tentem passar uma falsificação ou reprodução precisa como se fosse uma máquina real. “Acho que uma reprodução ou falsificação poderia ser feita de forma bastante convincente, mas um especialista deve ser capaz de dizer a diferença ao observar a máquina pessoalmente”, disse Willegal, que no passado foi procurado para autenticar outros Apple I, mas se recusou porque pediram que fizesse isso olhando apenas para fotografias.

Ao contrário de outros computadores pessoais mais recentes, incluindo o Apple II de 1977, o Apple I foi vendido como uma placa de circuito completamente montada (o que era incomum numa época em que a maioria das máquinas eram “kits” montados pelo usuário), mas sem gabinete, fonte de alimentação, teclado ou monitor. Os compradores tinham de fornecer estas peças, o que resultou em personalizações interessantes. A máquina da Christie’s está montada em uma base de madeira, com um teclado moderno e uma fonte de alimentação.

apple1_christies-360px.jpg
O Apple I da Christie's. Montado à mão e autografado por Steve Wozniak

Todos os Apple I foram montados à mão por Steve Wozniak em 1976. Eram vendidos por US$ 666,66, o que equivale a US$ 2.724 nos dias de hoje, ou mais do que o preço da configuração mais sofisticada do atual MacBook Pro com tela Retina.

A máquina que será leiloada pela Christie’s está assinada por Wozniak, que também assinou o manual e o esquemático da placa, inclusos. A máquina será exibida no Computer History Museum em Mountain View, na Caliórnia, entre 24 e 27 de Junho. O leilão online acontece entre 24 de Junho e 9 de Julho.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail