Home > Notícias

Para 94,5% dos pais, os filhos correm perigo na web, revela estudo

Pesquisa da F-Secure mostra ainda que 20,3% dos pais acreditam que as crianças respeitam os limites de tempo para o uso da rede.

Por Redação do IDG Now!

27/03/2008 às 11h26

Foto:

Somente 5,5% dos pais se sentem seguros a respeito da navegação de seus filhos na internet, segundo um estudo da fornecedora de segurança F-Secure, realizado na Inglaterra, Canadá, Estados Unidos, França e Alemanha.

De acordo com a pesquisa, realizada em janeiro de 2008 com 1169 entrevistados, 94,5% dos pais sentem que seus filhos correm riscos na internet.

Leia também:
>O perigo da pedofilia online
>Saiba como se proteger

>Como agem os pais
>Conheça os filtros de conteúdo

Segundo o estudo, 20,3% dos pais acreditam que as crianças respeitam os limites de tempo estabelecidos para o uso da rede.

Os mais preocupados com a segurança dos filhos são os alemães – 77% temem pela segurança deles. Já os ingleses são os mais tranqüilos: 38% confiam na internet como ambiente seguro para os filhos.

Entre os menos confiantes na internet aparecem ainda canadenses (7%), norte-americanos e franceses, com 6%.

A segurança das crianças na internet é um tema que está em debate no Brasil, com a instauração de uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) pelo Senado para investigar a prática de pedofilia na internet.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail