Home > Notícias

Para comprar iPhone XS Max, brasileiro teria de trabalhar 1.800 horas

O cálculo, feito pelo site de descontos Cuponation, usa como referência o salário mínimo local. O novo aparelho da Apple custa R$10 mil no Brasil

Da Redação

16/11/2018 às 15h48

Foto: Divulgação

O consumidor brasileiro precisa trabalhar mais de 1.800 horas para poder comprar o novo iPhone XS Max, que foi lançado no país no último dia 9 de novembro com preço sugerido de 10 mil reais – valor do modelo de 512GB de armazenamento. As informações são da empresa Cuponation.

O portal de descontos, que pertence à alemã Global Savings Group, fez o cálculo levando em conta o valor do salário mínimo no Brasil (na faixa de 954 reais atualmente) e constatou que o trabalhador brasileiro ganha uma média de 5,40 reais por hora. Desta forma, aponta o site, um consumidor ganhando salário mínimo teria de trabalhar por mais de 1.800 horas - ou 10,5 meses - para comprar o novo top de linha da Apple.

Para efeito de comparação, os moradores de diferentes países do mundo teriam de trabalhar por muito menos tempo para poder comprar o iPhone XS Max, aponta o levantamento da Cuponation.

Nos EUA, onde o aparelho custa cerca de 5.430 reais e o salário mínimo é de 27,20 reais por hora, o trabalhador precisa de aproximadamente 200 horas. No Japão, a conta seria parecida, uma vez que lá o dispositivo custa 5.520,92 reais e o salário mínimo garante ao trabalhador pelo menos 26,20 reais por hora. Já em Hong Kong, os números são um pouco mais altos, uma vez que o iPhone sai por cerca de 6 mil reais e o salário mínimo é de 10,22 reais por hora, o que exige pelo menos 580 horas de trabalho.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail