Home > Notícias

Pirataria: após YouTube ser inocentado, Viacom promete recorrer

Gigante da mídia quer reverter derrota de junho, quando Justiça dos EUA entendeu que site de vídeos não viola leis de direito de autor.

Redação do IDG Now!

11/08/2010 às 21h45

Foto:

A Viacom anunciou que planeja recorrer contra a decisão judicial que deu ganho de causa à Google em processo que acusava o site YouTube de violação de direitos de propriedade intelectual, informou na quarta-feira (11/8) o jornal Los Angeles Times.

Em 23 de junho, a Google comemorou a decisão do juiz Louis Stanton, da Corte distrital de Apelações de Nova York - que, além de atender ao pedido da Google de um julgamento sumário (sem júri), entendeu que o YouTube não viola as leis, já que trabalha em colaboração com os grandes estúdios para evitar desrespeitos ao direito de autor.

No processo, que teve início em 2007, a Viacom pedia 1 bilhão de dólares em indenização pela veiculação, no YouTube, de conteúdo protegido por direito autoral. 

Segundo especialistas em legislação ouvidos pelo jornal, as chances de a Viacom ser bem sucedida são mínimas, dados os argumentos utilizados pelo juiz que analisou o caso.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail