Home > Notícias

Polícia prende 25 acusados de operar jogos online ilegais

Operação Novelo apreendeu mais de três mil peças de computador, documentos e armas após investigação que durou cerca de um ano.

Redação do IDG Now!

23/09/2009 às 9h12

Foto:

Iniciada há cerca de um ano, a Operação Novelo, da Polícia Civil de São Paulo, iniciou na terça-feira (22/9) o cumprimento de mandatos de busca e apreensão em 12 Estados brasileiros. Ao fim do dia, um total de 866 CPUs, 2.543 periféricos, outros 821 equipamentos - não especificados pela polícia - e 1.151 documentos foram apreendidos.

Dos 39 mandados de prisão, foram detidas 25 pessoas acusadas de envolvimento com jogos online ilegais. Dois veículos e cinco armas de fogo que apresentaram irregularidades também foram apreendidos. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, estiveram envolvidos na ação 507 policiais civis.

A operação se desenrola pelos Estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, sob a coordenação do Departamento de Polícia Judiciária do Interior 7 (Deinter 7), em Sorocaba.

As investigações apontaram a formação de uma rede de exploração de jogos de azar pela internet que manipulava os resultados para obtenção de lucro pela corrupção de agentes públicos e ameaças de violência física.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail