Por que não podemos usar celular no avião?

Tchau modo avião, olá incômodo

Foto: Shutterstock
https://pcworld.com.br/por-que-nao-podemos-usar-celular-no-aviao/
Clique para copiar

Com tantas evoluções tecnológicas nos meios de transporte, é válido que se questione o porquê da persistência em manter o celular no modo avião durante viagens aéreas. Por mais que seja aborrecedor ter de se desconectar de família e amigos por, às vezes, mais de 12 horas, a medida é imposta para que não haja interferência das ondas eletromagnéticas dos smartphones nos equipamentos dos aviões. Mas isso está perto de acabar.

Em 2012, a Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos anunciou que aparelhos celulares eram capazes de atrapalhar as informações que chegam nas telas usadas pelos pilotos do Boeing 737 Next Generation e de 777 outros modelos de aeronave. Desde então, foram dados cinco anos para que todas as linhas aéreas dos Estados Unidos solucionassem o problema das telas e, em novembro desse ano, o prazo chega ao fim.

Por enquanto, apenas a Delta Air Lines e a Southwest Airlines tomaram as medidas necessárias para que o sistema da cabine dos pilotos pare de ficar em branco caso alguém resolva usar os dados móveis de seu smartphone estando a bordo, de acordo com depoimento de comandantes que dirigiam aviões já afetados pela adversidade. A American Airlines e a United Airlines também estão no caminho para deixar as interferências para trás, já que restam poucos aviões que ainda não passaram pela correção.

Contudo, mesmo que todas as aeronaves não sofram mais interferência dos celulares, os passageiros continuarão sem autorização para executar ligações, mesmo que sejam chamadas de vídeo por FaceTime ou Skype. É que, nesse caso, o problema não é técnico, mas sim comportamental - tanto que, mesmo com a crescente solução do problema das ondas eletromagnéticas, o Congresso dos Estados Unidos tornou em 2018 ilegais as chamadas de voz e vídeo dentro de aviões em movimento.

“Passageiros conversando em seus dispositivos móveis nos espaços pequenos de um avião podem tornar o voo ainda menos confortável”, observou o senador norte-americano Ed Markey. “Os passageiros não devem sofrer com as conversas de outras pessoas, e as tripulações de voo não devem ser interrompidas durante a execução de suas importantes tarefas de segurança”.

Fonte: Cult of Mac

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site