Home > Notícias

Porque a Apple deve perder a disputa sobre o Google Voice

É só uma questão de tempo. A empresa de Steve Jobs não vai conseguir impedir a liberação do aplicativo para iPhone. Conheça cinco motivos para isso

PC World/EUA

21/09/2009 às 15h25

Foto:

O processo que envolve a Apple sobre o veto ao Google Voice para o iPhone continua. Recentemente, o Google declarou às autoridades dos EUA que a Apple não estava  "avaliando o aplicativo", mas o havia rejeitado. Independentemente do desenrolar dese novo round, a Apple deve mesmo perder a disputa.

É só uma questão de tempo. Logo o programa deve ser oferecido para o smartphone da Apple. O motivo? Há vários fatores que vão contra a empresa de Steve Jobs nesse processo:

  • A Comissão Federal de Comunicação dos Estados Unidos (FCC) está investigando as ações da Apple e é bem provável que aponte a atitude da empresa como um violação  dos chamados princípios de neutralidade da internet, pelos quais os provedores  não devem bloquear ou dificultar o acesso do consumidor a serviços online.
  • As pessoas querem aplicativos de VoIP – como o Google Voice – rodando em seus iPhones. O serviço funciona como uma espécie de hub (concentrador) que gerencia correio de voz, contatos e pode proporcionar chamadas gratuitas ou de baixo custo por meio de linhas fixas. Ferramentas como o popular Skype também estão no iPhone, apesar de terem suas funções limitadas para atender a exigências de operadoras, como a AT&T (não é possível utilizar 3G para fazer uma ligação pelo Skype).
  • A pressão da concorrência fará a Apple abrir seus olhos. Uma vez que o Google Voice seja capaz de funcionar com BlackBerrys, as chamadas via VoIP vão ganhar mais popularidade. A Apple terá que se atualizar ou ficará para trás.
  • Neste caso, a Apple aparece como grande vilã. Sua imagem pública está em jogo. A venda de iPhones subsidiados com longos contratos de até dois anos já não trazem uma boa imagem para a empresa. Com essa rejeição, o público pode encarar a empresa como uma grande parceira da AT&T, que quer apenas ganhar mais dinheiro.
  • A Apple está na contramão. VoIP é o futuro da telefonia móvel. O “plano de voz” tradicional está com os dias contados. As chamadas telefônicas serão apenas mais uma aplicação em redes wireless de alta velocidade. Estamos presenciando o início de uma nova era, com o surgimento de versões móveis de programas como Skype e Google Voice.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail