Home > Dicas

Prepare-se: a revolução 3D está chegando

Aperelhos de Blu-ray e HDTVs com tecnologia 3D serão vendidos ainda em 2010, mas esta será uma revolução lenta e complexa.

Melissa J. Perenson, PC World/EUA

01/02/2010 às 15h38

fullhd3d_150.jpg
Foto:

fullhd3d_150.jpgO conceito de três dimensões (altura, largura e profundidade) não é novo, mas aguçou nossos sentidos por meio dos filmes recentes, principalmente pelo sucesso de Avatar.

E, pela primeira vez, a tecnologia 3D não está se restringindo apenas aos cinemas e uso profissional, mas começa a ficar disponível às casas. Ninguém espera que isso acontece da noite para o dia, mas fato é que a tecnologia estará em breve disponível a quem puder pagar por ela.

A indústria de eletrônicos de consumo está investindo em pesquisas para promover a revolução 3D. Todo grande fabricante já apresentou pelo menos planos nessa área para 2010, como televisores habilitados para visualizar imagens em 3D ou aparelhos de Blu-ray.

Para cineastas, uma filmadora da Panasonic vai filmar diretamente em 3D através de suas lentes gêmeas. O canal ESPN exibirá, a partir de junho, 85 eventos esportivos em 3D. E a Sony, parceria com a Discovery e Imax, planeja um canal em 3D em 2011.

Em 2009 foram lançados 17 filmes em 3D e mais uma dúzia de títulos está programada para este ano.

O recurso 3D em outras áreas
Desde que Hollywood começou a aumentar sua receita com os filmes 3D, a indústria de eletrônicos de consumo está ansiosa para levar essa tecnologia para dentro das casas. E o foco não fica apenas nos filmes: 80% dos jogos para PC estão atualmente disponíveis em 3D.

“Os consumidores estão dispostos a pagar mais para assistir um filme 3D do que vê-lo em 2D”, observa a diretora de tecnologias de visualização da DisplaySearch, Jennifer Colegrove. Segundo ela, é natural que os fabricantes pensem em produtos com tecnologia 3D para serem usados nas casas – em um desktop, notebook, uma TV, telefone celular e outros dispositivos que podem aproveitá-la.

Não sabemos o quanto as empresas vão cobrar por TVs 3D (ou conteúdo). Claramente, esse mercado apresenta uma nova fonte de receita e os fabricantes vão justificar um preço maior (simplesmente porque eles possuem 3D em seus produtos high-end).

Mas os executivos do setor já informaram que estão cientes do risco de sufocar as expectativas em cima da tecnologia 3D se o preço dos produtos for muito alto.

Outro fator que pode atrasar o potencial do 3D é a imagem que os óculos 3D geram. Vidros especiais são requisito básico para todas as variações de óculos com tecnologia ativa.

Por enquanto, não há garantia de que os óculos serão compatíveis entre fabricantes (embora a Consumer Electronics Association esteja conversando com as empresas para que elas entrem em um acordo). Esses óculos são caros e as TVs que virão com tecnologia 3D não terão o produto como item de fábrica.

pana3dglasses.jpg

Poucos especialistas falam do 3D como algo que chegará ao mercado de massa. Segundo a DisplaySearch, apenas um milhão de TVs 3D estarão prontas em 2010 (representando 0,1% de todos os modelos de televisor que forem fabricados), bem menos do as 4,3 milhões de unidades estimadas para pela CEA para este ano. Em 2018, prevê-se que este número salte para 64 milhões de unidades, cerca de 20% do mercado.

Até 2018, a DisplaySearch espera que sejam vendidos 10 milhões de unidades de monitores 3D (3,6% de penetração) e prevê uma trajetória semelhante para sistemas 3D em notebooks. Dentre todos os tipos de mídia, os celulares serão os dispositivos com maior número de unidades 3D em uso, com expectativa de chegar a 71 milhões de unidades em operação nos próximos oito anos.

O desafio será vender produtos 3D para serem usados em casa. “Precisamos de material suficiente para que o consumidor se anime a comprar tais equipamentos”, diz Rick Dean, presidente da 3D@Home Consortium e vice-presidente de desenvolvimento estratégico para a tecnologia de som THX Segundo ele, novos players de Blu-ray são obrigatórios, pois conteúdo 3D não basta, sendo necessário fazer com que o usuário tenha uma boa experiência com a tecnologia.

Mais do que novos filmes
Em dezembro, a Blu-ray Disc Association, finalizou sua especificação para o Blu-ray MVC, que é uma extensão 3D para o codec H.264 para os filmes em Blu-ray existentes.

Apesar do preço do player de Blu-ray estar em queda, esse novo padrão, que vai possibilitar a chegada de modelos 3D, poderá elevar novamente os preços. Os estúdios de Hollywood não têm feito muito barulho sobre planos de seus produtos no formato Blu-ray.

A Disney informou que terá uma versão 3D de A Christmas Carol no quarto trimestre de 2010. A Dreamworks, em parceria com a Samsung, anunciou um acordo com a Technicolor para reproduzir conteúdo em 3D.

O presidente da Blu-ray Disc Association, Andy Parsons, observa que nem todos os produtos terão o tratamento em 3D. “Não estamos posicionando os filmes 3D como subsitutos, mas como um complemento ao 2D”, informou Parsons.

HDTVs com 3D e leitores de disco 3D estão chegando
Os produtos abaixo estão chegando às lojas brevemente. As empresas ainda não possuem preços definidos e alguns ainda precisam definir os planos se vão incluir óculos 3D.

Panasonic (junho de 2010)

 

pana_vierap50vt.jpg
                           Panasonic Viera TC-P50VT25

•  Viera TC-P50VT20 e Viera TC-P50VT25 (50 polegadas)
•  Viera TC-P54VT25 (54 polegadas)
•  Viera TC-P58VT25 (58 polegadas)
•  Viera TC-P65VT25 (65 polegadas)
•  DMP-BDT350 Blu-ray


Sony

 

sonybraviahx900x.jpg
Bravia XBR-HX900

•  Bravia XBR-LX900 série (40, 46, 52 e 60 polegadas)
•  Bravia XBR-HX900 série (46 e 52 polegadas)
•  Bravia série HX800 (40, 46 e 55 polegadas)
•  BDP-S770 Blu-ray player
•  BDV-HZ970W home theater
•  PlayStation 3 (atualização de firmware)

 

Sem data de lançamento

LG
• Infinia LE9500 (47 e 55 polegadas)

Samsung Samsung
• UN xx C9000, UN xx C800, UN xx C700, e PN xx C7000 (Tamanhos das telas não foram anunciados)
• BD-C6900 Blu-ray player BD-C6900 Blu-ray

Toshiba
• ZX900 "Cell TV"
• BDX3000 Blu-ray player

Vizio
• XVT Pro Series (47, 55, and 72 polegadas)

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail