Home > Notícias

Primeira geração do iPhone começa a entrar em ‘liquidação’

Com o anúncio do iPhone 3G, primeira geração do celular da Apple tem queda de preços. Ofertas podem chegar a US$ 75.

Computerworld/EUA

12/06/2008 às 19h03

Foto:

Um dos efeitos da chegada do iPhone 3G é a grande quantidade de iPhones antigos em 'liquidação' nos Estados Unidos.

Essa movimentação pode significar o fim do maior mercado cinza aberto ou de iPhones invadidos por hackers, argumentou Aaron Vronko, gerente de serviços da Rapid Repair, uma empresa de Michigan, nos EUA, que compra e repara iPods, iPhones e Zunes usados.

Mais sobre o novo iPhone:
> Brasil: iPhone só no fim do ano
> SDK ganha recursos de localização
> iPhone já é sucesso no Brasil
> Samsung lança rival do iPhone
> Fotos: novos celulares 3G no País
> Conheça os rivais do iPhone

“Será um grande impulso para o mercado de usados”, afirmou Vronko. E acrescenta: “Muitos dos que estão adotando a versão original do iPhone são os mesmos que precisaram adotar rapidamente a segunda geração”. Muitas dessas pessoas irão querer financiar parte da compra dos seus iPhones 3G com a venda de seus ‘desnecessários’ aparelhos. “Mesmo que você ganhe 50 dólares, isso servirá para reduzir o preço do seu novo iPhone para 150 dólares”, disse.

O preço para o iPhone totalmente funcional usado irá cair de 200 dólares para uma média de por 75 a 90 dólares. Contudo, algumas pessoas não devem ter recebido a informação da queda de preço. Exemplo disso são os vendedores do site eBay, que ainda estão pedindo centenas de dólares por iPhones da primeira geração - o preço indicado no site chega a 999 dólares.

Os descontos, segundo Vronko, são de 40% a 50% do preço original. Algumas estimativas indicam que os iPhones desbloqueados preenchem 25% do total de unidades vendidas.

A Apple pretende solicitar aos usuários uma ativação do novo iPhone 3G nas lojas, de preferência, da mesma forma que o iTunes.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail