Home > Notícias

Problemas técnicos obrigam Intel a adiar lançamento do Centrino 2

Antena wireless e chipset são o foco do problema. O Montevina estava previsto para junho e agora só deve chegar em agosto.

IDG News Service/Cingapura

28/05/2008 às 10h05

Foto:

A Intel vai adiar o lançamento de sua linha de chips Centrino 2 para notebooks em quase dois meses para resolver problemas relacionados ao chipset e à antena usada com a plataforma, anunciou a empresa nesta quarta-feira (28/05).

O Centrino 2, também chamado Montevina, é a nova geração da plataforma Centrino para laptops e seu lançamento estava previsto para junho. A plataforma inclui os novos processadores Core 2 Duo e Core 2 Extreme Mobile, bem como atualizações no chipset com gráficos integrados. O Centrino 2 ainda suporta Wi-Fi e, como opcional, o padrão WiMax, de redes sem fio.

Fabricantes de computadores esperavam começar a oferecer notebooks com o novo microprocessador em julho. No entanto, segundo Elvin Ong, porta-voz da Intel em Cingapura, os novos processadores começam a chegar às fábricas em 14 de julho, mas os chipsets gráficos do Centrino 2 ficam prontos apenas na primeira semana de agosto.

O atraso no lançamento do Centrino 2 é um revés para a Intel. Nos últimos trimestres, a empresa tem lançado seus componentes pontualmente, superando erros que permitiram à rival Advanced Micro Devices (AMD) ganhar mercado nos últimos anos.

A notícia do atraso no lançamento do Centrino 2 é anunciada dias após a apresentação da nova plataforma Puma, de chips para laptops, da AMD. O lançamento deve ocorrer na feira Computex, em Taipé, na próxima semana, incluindo a apresentação de 100 modelos de portáteis diferentes baseados no Puma.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail