Home > Notícias

Quer vender seu iPhone ou iPad? Novo site brasileiro compra gadget usado

Startup Brused adota modelo de recommerce, já comum nos EUA, para diminuir a dor de cabeça dos usuários na hora de vender um smartphone ou tablet da Apple.

Luiz Mazetto

06/03/2014 às 18h16

iPhone5s_Cores-435px.jpg
Foto:

Sempre que sai um novo modelo de iPhone ou iPad, é a mesma coisa: as pessoas correm para anunciar seu gadgets usados em redes sociais e sites de leilões e precisam muitas vezes negociar por um bom tempo até realmente ter o dinheiro em mãos. Um novo site brasileiro promete acabar com isso ao comprar seu smartphone ou tablet da Apple sem toda essa mão de obra.

Chamada de Brused, a startup fundada em 2013 funciona como um serviço de “recommerce”, já comum nos EUA, mas até então inédito por aqui, em que o usuário vende seu iGadget diretamente para a empresa, que depois o  comercializa pelos chamados métodos tradicionais, descritos acima.

O processo de venda é relativamente simples. O usuário acessa o site da Brused, escolhe o aparelho que quer vender (iPhone, iPad ou iPod Touch), depois seleciona o modelo e então vê os valores a serem pagos pela empresa por um aparelho em excelente estado (quase novo) ou em bom estado (com marcas de uso). 

Concordando com tudo, é preciso então decidir o método de entrega do aparelho, que inclui correios (gratuito), motoboys e até uma unidade física em São Paulo. O pagamento é feito via depósito em conta do valor total ao cliente após a empresa se certificar das condições do gadget.

)

Valores

No entanto, essa facilidade toda para o usuário obviamente vem com um custo: os preços pagos pela Brused são menores do que os valores médios praticados no mercado paralelo de sites de leilões ou venda direta.

Um iPhone 5S de 32GB, por exemplo, pode render 1.890 reais caso esteja em excelente estado ou 1.710 reais se estiver em bom estado na nova plataforma. Em sites de leilão, por exemplo, o mesmo aparelho é vendido por valores entre 1.800 reais e 2.500 reais. Segundo os criadores do Brused, a diferença entre um aparelho em excelente e bom estado costuma ser de 10% no valor de venda pelo site.

Vale notar que esses valores, e outros informados pelo site, são para os gadgets completos. Ou seja, na caixa e com todos os acessórios. Caso o usuário não tenha mais esses itens, é preciso enviar um e-mail para a equipe da Brused e então negociar um valor (menor) de venda.

brused01.jpg

Aparelhos

O iPhone 4, lançado em 2010, é o mais vendido para a empresa, segundo Bruno Fuschi, que iniciou a empresa com o amigo Eric Fuzitani após perceber que não havia nenhum serviço desse tipo no Brasil. Já o iPhone 5, que chegou às lojas em 2012, é o mais buscado no site.

Futuro

“Nosso próximo passo é adicionar a compra de MacBooks ao site e, depois mais modelos de iPod. Encerrando com toda a linha de aparelhos da Apple, pensamos em começar a trabalhar com gadgets de outras fabricantes, como Samsung, que já até tivemos demanda”, explica Bruno.

A intenção dos criadores do Brused é que no futuro o site se transforme em uma plataforma completa em que as pessoas possam vender seu aparelho e já comprar um novo, tudo no mesmo lugar. 

Acesse o site oficial do Brused por esse link e tire todas as suas dúvidas antes de decidir vender seu iPhone, iPad ou iPod pelo site.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail