Home > Notícias

Redes de informação do governo brasileiro sofrem dois mil ataques por hora

Segundo Gabinete de Segurança Institucional da Presidência, uma das 320 grandes redes foi vítima de 3,8 milhões de ataques em 2008.

Redação do IDG Now!

24/08/2009 às 8h52

Foto:

As redes de computadores do governo federal brasileiro recebem dois mil ataques por hora. Segundo o blog do jornalista Josias de Souza, o número foi  repassado pelo chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência (GSI), Raphael Mandarino Jr., que o divulgou durante uma reunião da Comissão de Segurança Pública da Câmara, no dia 7 de julho.

O governo tem 320 grandes redes, incluindo as do Banco do Brasil, Serpro e Justiça, entre outros órgãos. Na maior dessas redes houve um total 3,8 milhões de ataques em 2008. Aproximadamente 1% foi tentativa de invasão. Mandarino, porém, não disse qual seria essa rede específica.

Apesar da gravidade dos números, a crise pela qual o Congresso tem passado nos últimos meses pode ter sido responsável pela baixa repercussão que da reunião. De acordo com Josias de Souza, apenas cinco deputados compareceram ao encontro que revelou os dados.

Um assessor do ministro Jorge Felix, da Segurança Institucional, afirmou que seu departamento analisa cerca de 200 novos softwares maliciosos por mês. Deles, 70% buscam informações bancárias nas redes oficiais, 15% procuram informações pessoais e 10% tentam roubar informações da INFOSEG, rede do Ministério da Justiça que armazena dados das secretarias estaduais de Segurança Pública e da Justiça.

Na reunião, Mandarino disse que o caso de ataque mais sério envolveu uma quadrilha do Leste Europeu, que entrou no servidor de um órgão público, trocou a senha e pediu um resgate de 350 mil dólares para devolver a senha. O servidor foi recuperado com a ajuda de técnicos da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e especialistas de fora do governo. A investigação ainda tramita pela Polícia Federal e Mandarino não forneceu mais detalhes.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail