Home > Notícias

Redução de custos leva Unisys a demitir 1.300 funcionários no mundo

Companhia informa que cortes fazem parte de um plano agressivo para redução de custos e retorno da rentabilidade.

IDG News Service, EUA

23/12/2008 às 10h49

Foto:

A Unisys anunciou nesta segunda-feira (22/12) que vai demitir 1.300 pessoas de seu quadro global de funcionários. Segundo a companhia, as demissões fazem parte de um esforço “agressivo” para reduzir custos e voltar a ser rentável.

Em comunicado enviado à imprensa, a companhia afirmou que os cortes já começaram e devem continuar em 2009. Além das demissões, a Unisys espera economizar cerca de 225 milhões de dólares anualmente com medidas de corte de custos que incluem o congelamento de salários, redução de contribuições para planos de aposentadoria e consolidação de unidades. A companhia afirmou ainda que muitos funcionários não terão promoções em 2009.

No terceiro trimestre do ano fiscal de 2008, a Unisys reportou perdas de 34,7 milhões de dólares, mais dos que as perdas de 31 milhões de dólares registradas no mesmo trimestre do ano passado.

O anúncio de demissões está se tornando comum no mercado de TI. A consultoria especializada em recolocação Challenger, Gray & Christmas estima que o setor deve cortar cerca de 180 mil vagas até o final do ano. Exemplos não faltam. A HP anunciou 25 mil demissões após a aquisição da EDS e a Sun planeja demitir cerca de seis mil profissionais. Segundo a consultoria, 140 mil vagas na indústria de TI foram extintas este ano.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail