Imagem de fundo do header
Câmera de bolso da Panasonic faz vídeos em alta definição
Home  >  Review
REVIEW

Câmera de bolso da Panasonic faz vídeos em alta definição

Lumix FP1 tira fotos em 12 megapixels e filma em HD. Destaque fica para o modo AI, que ajusta parâmetros de acordo com o ambiente.

René Ribeiro, da PC WORLD

panasonic-lumix-fp1-150.jpg
Foto:

A Lumix FP1 é a primeira camêra da linha 2010 da Panasonic do Brasil a chegar ao mercado. Seus principais destaques são o design ultrafino, com tampa frontal deslizante (que protege a lente e liga/desliga a câmera), capacidade para gravação de vídeo em alta definição e conexão com o YouTube.

A FP1 tira fotos em até 12 megapixels e faz vídeos em alta definição (1280 por 720 pontos), no formato Quick Time (MOV). Os filmes podem ser enviados ao YouTube por meio do software PHOTOfunSTUDIO 5.0, fornecido com a câmera, que permite também criar panoramas de até 360 graus no formato QuickTime VR. Recurso ótimo para documentar a paisagem durante as viagens.

panasonic-lumix-fp1-350.jpg
Lumix FP1: destaque para o modo automático e vídeo em HD

Testes

A FP1 é uma câmera point-and-shoot, para o usuário doméstico que não quer nenhuma complicação. Apesar da lente interna ela tem zoom ótico de 4x, que pode chegar a 7,8x com ajuda do zoom digital, dependendo da resolução. O menu de configurações não é novidade para quem já conhece outros modelos da Panasonic, pois não houve mudanças.

panasonic-lumix-fp1-costas-350.jpg
LCD de 2,7 polegadas. Botões de menu não mudaram
em relação a modelos anteriores da Lumix

Ela manteve o sistema de modos de cena pré-configurados para cada situação, como esportes, modo noturno, luz de vela ou festa. Há 23 modos para o usuário escolher, de acordo com o ambiente a ser fotografado. Existe também o modo moldura para adicionar efeitos nas bordas da foto. O modo macro consegue focar objetos com nitidez à distância mínima de 10 centímetros.

O flash tem alcance de cinco metros, algo comum em câmeras portáteis. Fotos em ambientes internos com pouca iluminação ficam boas, porém ele não é forte o suficiente para espaços grandes. A FP1 também faz fotos em modo contínuo: basta manter o botão de disparo pressionado e as fotos serão tiradas até o botão ser liberado ou o espaço no cartão de memória se esgotar. A velocidade desse modo é de 1,8 fotos por segundo.

panasonic-lumix-fp1-sup-350.jpg
Vista de cima da Lumix FP1

Mas o destaque fica mesmo por conta do modo Auto Inteligente (AI). Ao ser selecionado a câmera identifica luminosidade, a velocidade do objeto em foco, sua distância em relação à lente e assim regula os parâmetros para obter o melhor resultado. Tirando casos específicos em que é necessário um ajuste personalizado, com certeza obtivemos melhores fotos utilizando o modo AI.

Outra característica interessante é a capacidade de fazer vídeo em HD (720p). A qualidade não chega a ser a mesma de uma filmadora portátil especializada, porém, o resultado é muito bom. Chama a atenção a capacidade de priorizar os objetos focados e o rápido ajuste às condições de luminosidade da cena, o que garante que seus vídeos não fiquem escuros demais, nem claros demais.

>> Veja amostras de fotos feitas pela Lumix FP1

Testamos o software PhotoFunStudio 5.0, que vem com a câmera. Ele ajuda a gravar as fotos em DVD e também a fazer upload de vídeos diretamente para o Youtube. Tudo muito fácil.

A FP1 tem memória interna de 40 MB, mas vem acompanhada de um cartão de 2 GB. Além do cartão há um cabo USB (com conector proprietário) para conexão ao PC e cabo RCA para conexão direta à TV. Um ponto negativo fica por conta do carregador de bateria. No lugar de ter apenas o módulo para o encaixe da bateria e os plugues de tomada, ele vem com fio que deve ser encaixado no módulo. 

Além de ser algo a mais para carregar na mochila da viagem, é um item a mais para ser perdido. E caso isso aconteça durante uma viagem, será difícil recarregar a bateria. Quanto a autonomia, com uma carga tiramos 262 fotos e fizemos 25 minutos de vídeo.

Outro item que não é bem vindo: cabo USB com conector proprietário. Em caso de perda, mais trabalho para conseguir encontrar um igual.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site