Imagem de fundo do header
Com novos recursos, Lightroom 3 aperfeiçoa edição de imagens
Home  >  Review
REVIEW

Com novos recursos, Lightroom 3 aperfeiçoa edição de imagens

Terceira versão do programa da Adobe traz boas ferramentas para fotógrafos, como redução de ruídos e correção de lente; mas ainda precisa de pequenos ajustes

Macworld / EUA

lightroom1after-100.jpg
Foto:

O Photoshop Lightroom 3 é um upgrade silencioso para o software da Adobe para gerenciamento e edição de imagem. Na superfície, não parece muito diferente de sua primeira versão, lançada em 2007. E a lista de novos recursos parece modesta: um punhado de avanços no mecanismo de processamento de "imagem crua" no módulo Develop, algumas mudanças cosméticas e um pequeno número de adições a cada um dos módulos principais. Mas, apesar dessas melhorias não parecerem adicionar muito, são todas a serviço do aperfeiçoamento do processo de administrar suas fotos e fornecer imagens da mais alta-qualidade.

Menos ruído, fotos mais nítidas

As câmeras digitais ficaram muito boas em minimizar luminância (intensidade da luz) e ruído de cores em configurações mais altas de ISO, mas o último ainda pode ser um problema quando se fotografa em situações de pouca luz. Apesar de anteriormente o Lightroom ter feito um trabalho razoável em reduzir o ruído, sua nova versão possui novos algoritmos de redução que fazem um ótimo trabalho para eliminar esse problema e preservar os detalhes das fotografias.

Além da habilidade de controlar a força da redução, você tem sliders para preservar detalhes, e, no caso de redução de intensidade da luz, um para ajustar contraste. Esses novos controles permitem que você verifique rapidamente a quantidade correta de redução sem tornar sua imagem final excessivamente suave.

Ao renovar o mecanismo de processamento no Lightroom 3, a Adobe
também melhorou os algoritmos de afiação (sharpening). Essas melhorias
são um pouco mais sutis do que as ferramentas de redução de ruído,
especialmente uma vez que o sharpening já era muito bom na versão
anterior do software.

Grande parte dessas novas ferramentas de processamento de imagens é
um impulso de desempenho ao longo do quadro. É difícil quantificar o
aumento de velocidade, mas o novo software parece muito mais "cheio de
energia" do que seu antecessor, especialmente quando está construindo
thumbnails após importar, e quando você está se movendo entre imagens ou
usando os pincéis de ajuste no módulo Develop.

lightroom4.jpg

 Software traz novas opções para ajuste de redução de ruído e luminância


Correção de lente
 

Desde sua versão original, o Lightroom tem oferecido ferramentas simples para controlar o “vignetting” – escurecimento das pontas de uma foto que costuma ocorrer quando se está fotografando com uma lente grande angular em grandes aberturas (diafragma). O novo software oferece ferramentas de correção de lente muito melhores, permitindo que você ajuste a distorção geométrica e cromática em uma imagem, com base em um perfil de lentes específicas.

O programa vem com um grande número de perfis de lentes da Canon, Nikon, Sony e outros, mas você pode criar seus próprios perfis com o Lens Profile Creator do Adobe Labs.

lightroom5.jpg

 O programa possui um grande número de perfis de lentes, mas também é possível criar seus próprios perfis

As ferramentas de correção de lente são bastante amplas, e estão disponíveis no modo manual e automático. O primeiro permite a correção de perspectiva, como quando você fotografa um objeto (como um prédio) em um ângulo agudo. Já o último recurso não vai substituir uma lente tilt-shift ou arrumar um ângulo de visão extremo, mas pode ajudar a endireitar fotos de rua ou horizonte problemáticas.

Preenchendo os buracos

O foco principal da Adobe no Lightroom 3 era intensificar o mecanismo e o desempenho de processamento de imagem, mas o programa possui alguns outros novos e melhorados recursos. Por exemplo, ele agora suporta shooting limitado, possibilitando que você capture imagens diretamente para sua biblioteca no programa a partir do seu DSLR. E um abrangente recurso que permite a adição de marcas d´água de qualquer tipo a suas imagens, de forma fácil e rápida; você pode salvá-las como pré-ajustes (presets) e aplicá-las em suas imagens, quando for exportar essas para a Internet ou qualquer outro local.

O módulo Slideshow é muito mais útil nessa versão 3: o Lightroom agora pode exportar um slideshow como um vídeo em uma variedade de tamanhos (incluindo vídeo HD). Além disso, também é possível manter uma sequência de imagens, como  Collection, o que torna mais fácil arranjar e salvar essas apresentações.

lightroom6.jpg

No Lightroom 3 é possível exportar um slideshow como um vídeo em vários tamanhos (incluindo HD)

A nova opção Custom Package no módulo Print permite que você crie layouts flexíveis de fotos por várias páginas. Nas versões anteriores, o editor de formatos permitia apenas o uso de múltiplas versões da mesma fotografia; o Lightroom 3 permite a utilização de imagens diferentes em cada célula.

Outras das pequenas melhorias incluem uma caixa de diálogo Import mais intuitiva, assim como um recurso Publish Services, que permite a criação de grupos de imagens sincronizadas no Flickr ou no seu disco rígido (ótimo para sincronizar com um iPad).

Além disso, o Lightroom agora pode importar e catalogar arquivos de vídeo ao lado de suas fotos. Não é possível editá-los, mas só o fato de poder tirar automaticamente os filmes de um cartão de câmera é algo bem-vindo.

Pequenos problemas

Foram consertadas as pequenas inconsistências encontradas nas versões anteriores – por exemplo, a tecla N não faz mais uma coisa no modo Library, e outra no modo Develop – mas ainda há alguns lugares onde a natureza excessivamente modal do Lightroom pode atrapalhar seu fluxo de trabalho.

Por exemplo, você ainda pode criar pilhas apenas na visualização de catálogo principal; se estiver trabalhando em uma coleção, é possível empilhar fotos (ou desempilhar). Também é possível renomear um arquivo ou adicionar um teclado apenas no módulo Library. Além disso, o novo recurso bacana Publishing Services está disponível somente na visualização de grade.

Nenhuma dessas limitações estraga o programa, mas seria legal ver a Adobe reduzir as coisas que forçam os fotógrafos a irem de módulo em módulo quando estão trabalhando em suas imagens.


Lightroom X Aperture

Dada a maneira rígida com que a Apple e a Adobe têm atualizado seus aplicativos de processamento de imagem, é inevitável que as pessoas queiram compará-las. Uma comparação completa está fora dos objetivos desse review, mas talvez a escolha dependa de como você quer trabalhar e quais recursos deseja.

O foco do Lightroom é em qualidade de imagem, e isso aparece no refinamento do módulo Develop. Além disso, o programa é muito confortável para importar, gerenciar, editar e imprimir fotos, apesar de possuir alguns pequenos problemas.

Dito isso, o Aperture 3 possui algumas vantagens de verdade, especialmente na maneira como inclui os extras ausentes no Lightroom. Apesar de a Adobe poder torcer o nariz para o suporte de publicação de livros do rival, ele é um ótimo recurso. E com as novas adições espertas do Aperture – como o ótimo suporte de geotag no recurso Places e o recentemente reescrito processador raw de alta qualidade – é difícil dizer qual é melhor, até pelo fato do software da Apple custar 100 dólares a menos do que o concorrente. O melhor a fazer é baixar as demos de ambos, e escolher aquele com o qual se sinta mais confortável; é difícil errar com qualquer um deles.


Conselho de compra da Macworld

As melhorias de processamento de imagem são impressionantes, e apenas solidificam a posição do programa como uma das melhores ferramentas para gerenciar, editar e publicar fotografias. Se você já possui uma versão anterior, o Lightroom 3 não representa uma atualização enorme, mas ainda assim oferece novos recursos e avanços que fazem valer a taxa de upgrade de 99 dólares.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site