Imagem de fundo do header
Confira teste com três modelos de PCs para lazer e entretenimento
Home  >  Review
REVIEW

Confira teste com três modelos de PCs para lazer e entretenimento

Com baixa no preço de placas de TV, fabricantes tornam desktops em centros de lazer, adicionando mais itens multimídia.

René Ribeiro, analista de testes da PC World

pc_mediacenter_150.jpg
Foto:

pc_mediacenter_150Até pouco tempo, instalar uma placa de TV no computador era algo incomum, por conta do alto custo desse periférico. Com a queda de preços desse componente, os fabricantes resolveram investir mais no desktop como um item de lazer, incorporando também outros recursos de multimídia.

O resultado são máquinas que permitem ver televisão, gravar a programação, jogar, assistir a DVDs e executar qualquer trabalho, e em multitarefa.

Testamos três máquinas nessa categoria: o Home Theater PC, da Daten; o m9160br, da HP; e o XCube, da Megaware. O modelo da HP, apesar de ser o mais caro, levou a melhor na soma dos pontos de cada quesito.

> Clique aqui para ver a tabela completa com o resulta do comparativo

Não é para menos. Foi o único, por exemplo, que acompanhou um enorme monitor de LCD de 22 polegadas. Seu processador de quatro núcleos é efi caz para exibir fotos, gravar vídeos e executar aplicativos pesados sem deixar o sistema com paradas nos acessos ao disco.

Aliás, os discos são um caso a parte no m9160br. São 500 GB no HD principal, e mais 160 GB em um HD removível. E esse HD é hot-swap, ou seja, você pode removê-lo com a máquina ligada sem problema.

Outros destaques da PC World:
> 14 rivalidades históricas da Tecnologia
> Confira o teste de desempenho dos roteadores padrão n
> Leve a TV digital dentro do bolso
> Coisas que o Google fez e que não deram certo
> Como escolher o notebook mais adequado

Como acompanha fonte de alimentação, é possível transportá-lo para outro local e utilizá-lo como drive externo. Muito bom para transportar suas músicas e vídeos. E tem local ainda para um HD de 3,5 polegadas na parte frontal, unidade de 120 GB que pode ser comprada à parte e que não necessita de alimentação externa.

Apenas o cabo USB já é suficiente para sinais de dados e energia. O disco óptico, além de gravar DVDs, grava Blu-ray e HD-DVD. Ainda na parte frontal há um botão de backup instantâneo que, ao ser acionado, copia os documentos do usuário para o HD secundário. Além da placa de rede comum, também vem com rede Wi-Fi, algo interessante para mover o computador para a sala e conectá-lo a uma TV de plasma ou LCD, por exemplo.

++++

pc_mediacenter_150

Com o teclado e mouse sem fio é possível navegar na internet e acessar qualquer outra função do computador sentado no sofá. Detalhe: o produto acompanha também controle remoto, que acessa funções de TV e DVD.

Esse recurso é utilizado também no XCube e no Home Theater PC. Esses dois contam com o teclado sem fi o da Microsoft, que já vem com um mouse embutido, na forma de um pequeno manche do lado direito, e dois botões no lado esquerdo. O XCube atrai pelo seu tamanho reduzido, com 19,8 centímetros de altura, 20 de largura e 32 cm de profundidade.

desktop_lazer_300

m9160br: HDs removíveis, drive de blu-ray e HD-DVD

Já o Home Theater PC tem um design que lembra um “3 em 1” (aqueles equipamento antigos que reuniam toca-discos, rádio e gravador). Seu botão de liga e desliga parece o controle de volume. O estilo retrô até tem seu charme. Ele vem com processador de dois núcleos.

> Clique aqui para ver a tabela completa com o resulta do comparativo

Apesar disso, suas funções multimídia, principalmente do Media Center, não são prejudicadas. Apenas o poder de processamento é inferior aos modelos de quatro núcleos, que se saem melhor em aplicações mais pesadas e multitarefa. Para compensar, é o mais barato dos três.

Quanto às saídas para ligar na TV ou ao aparelho de DVD externo, todos possuem conectores RCA e Vídeo componente (sinais que a maioria de equipamentos de vídeo possuem), com destaque para os modelos da HP e da Datem, que têm esses conectores também na parte frontal, oferecendo mais opções de instalação.

Apesar do foco no entretenimento, vale destacar que estas máquinas não são, inicialmente, para entusiastas da última geração de jogos. Elas vêm com boas placas de vídeo off-board (que rodam muitos jogos), não são aceleradoras gráfi cas topo de linha. Placas de ultima geração são mais caras e exigem fonte de alimentação com maior potência para suportá-las.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site