Imagem de fundo do header
Conheça o ZTE V821, o primeiro smartphone Android Dual-SIM
Home  >  Review
REVIEW

Conheça o ZTE V821, o primeiro smartphone Android Dual-SIM

Aparelho roda Android 2.2 e permite o uso de duas linhas telefônicas ao mesmo tempo, mas não acessa redes 3G

William Marchiori, para a PC World

Foto:

O ZTE V821 é o primeiro smartphone Android Dual-SIM no mercado nacional. Com ele, você pode usar duas linhas telefônicas ("dois chips") ao mesmo tempo e receber ou fazer ligações ou enviar mensagens em qualquer um dos números.

Leia também
» Nokia anuncia três celulares Dual-SIM
» LG Optimus Me é um Android básico, bom e barato

Este é um aparelho que tem os recursos típicos de um Android básico: Wi-Fi, GPS, Bluetooth, câmera de 2 megapixels, 256MB de memória interna e suporte a cartões microSD de até 32GB. Ele é um aparelho GSM Quadband, ou seja, funciona em qualquer operadora do Brasil, mas não tem 3G.

v821-geral.jpg
ZTE V821: Sistema operacional Android com suporte a dois chips

Isso não quer dizer que ele não tem internet móvel: você ainda poderá acessar a web via rede EDGE (2G), mas essa conexão tem uma velocidade bem inferior à do 3G. Na prática, isso não é problema para tarefas que consomem poucos dados, como mensagens instantâneas ou redes sociais como o Twitter.

Design
De longe, o design lembra o de um BlackBerry: há um teclado físico QWERTY abaixo da pequena tela de 2.3 polegadas. Ela é sensível ao toque, mas é resistiva, ou seja, a sensibilidade é baixa e você precisa fazer mais força com o dedo para obter uma resposta do sistema.

Os botões de volume ficam dos lados e a entrada para fones de ouvido na parte superior. Acima do teclado QWERTY, há seis botões: um para fazer ligações e outro para encerrá-las, Menu, Home, Voltar e Mensagens. O V821 também tem um direcional para navegar nos menus do sistema ou rolar páginas web sem que você precise tocar na tela.

 

v821-teclado.jpg
Direcional pode ser utilizado para navegar no sistema ou em sites

O único problema em termos de design é que o botão para encerrar chamadas não bloqueia a tela, como acontece em outros aparelhos Android. Para isso, você precisa pressionar e segurar a tecla “Espaço” do teclado QWERTY. Se você estiver digitando algo, isso é um problema: ele vai inserir alguns espaços no campo de texto e só depois travar a tela.

Sistema dual-chip
Com Android 2.2, o V821 tem uma interface própria da ZTE, que não é muito diferente do padrão do sistema e permite personalizar widgets ou atalhos em diferentes telas iniciais.

v821-chip.jpg
Não há segredos: um chip é colocado sobre o outro

O grande diferencial dele é o suporte ao uso de dois chips ao mesmo tempo. Na barra de status há dois indicadores de sinal. Os aplicativos Telefone e Mensagens permitem escolher com qual chip você quer fazer ligações ou enviar mensagens. Essa função está integrada aos menus: ao tocar sobre um número ou contato, ele pergunta com qual número você quer fazer a chamada.  

As duas linhas ficam ativas ao mesmo tempo, ou seja, você pode receber chamadas de um ou outro número. E vale lembrar que, como o aparelho é vendido desbloqueado, você pode utilizar dois números de operadoras diferentes.

v821-tel-msg.jpg
É possível escolher qual chip usar na hora das tarefas

Um grande problema é que, se você estiver no meio de uma ligação na linha 1 e alguém te ligar na linha 2, o V821 não dá uma opção para colocar a linha 1 na espera e atender a linha 2. Ao invés disso, quem ligou na linha 2 receberá um simples sinal de ocupado.

Apenas um chip pode ser utilizado por vez para consumo de dados, e é possível definir isso nas configurações do sistema. Você até verá referências a conectividade 3G por lá, mas é importante ressaltar que esse smartphone só é compatível com redes EDGE (2G).

Em termos de desempenho e games, não espere muito: esse é um aparelho bem fraquinho nesse quesito. Para se ter uma ideia, ele não roda nem um game simples como Angry Birds direito, mas aplicativos como Twitter ou Facebook funcionam sem problemas.

Bateria
Para um aparelho que mantem conexões com duas redes celulares ao mesmo tempo, a autonomia da bateria não é ruim. Em nossos testes tiramos o ZTE V821 da tomada às 6h30 da manhã. Ao longo do dia usamos meia hora de internet 2G para verificar e-mails e redes sociais, uma hora de Wi-Fi e 20 minutos de ligações. No final do dia, a bateria estava na casa dos 50%. No segundo dia, utilizamos mais uma hora de Wi-Fi baixando aplicativos e mais 30 minutos de ligações. A bateria acabou por volta das 20h.

Se você planeja fazer bastante uso de internet móvel, então a bateria provavelmente acabará no primeiro dia. Mas, se isso não estiver na sua lista de tarefas, então ela deve durar mais de dois dias.

Conclusão
O V821 tem o melhor sistema operacional entre os celulares dual-chip. Ele é a melhor escolha se você quer ter acesso ao vasto catálogo de aplicativos do Android Market, e esse é o grande diferencial. As desvantagens são que não há internet 3G e você não pode receber uma ligação em um chip enquanto estiver falando no outro, função que está presente em outros aparelhos dual-chip como o GX200, da LG (que, entretanto, não roda Android).

O V821 custa, em média, R$499 sem subsídios de operadora (desbloqueado). Como outros aparelhos Dual-SIM, você não irá encontrá-lo na loja de sua operadora favorita. Procure em lojas online, grandes redes varejistas e hipermercados.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site