Imagem de fundo do header
Google Quick Search Box deixa a desejar
Home  >  Review
REVIEW

Google Quick Search Box deixa a desejar

Testamos a nova barra de ferramentas de busca para Mac, que é integrada ao desktop. Apesar de trazer alguns bons recursos, programa ainda precisa ser aprimorado

PC World/EUA

Foto:

Na semana passada, o Google anunciou a versão pública de sua Quick Search Box (QSB), uma barra de ferramentas de busca que é integrada ao desktop para quem é usuário Mac. Testamos o produto.

Ao contrário do Google Desktop, o QSB utiliza o índex Spotlight do seu Mac, em vez das próprias capacidades de busca do Google, para pesquisar arquivos e programas. Isso deixa o programa de busca mais leve, uma vez que não precisa indexar todo seu computador antes de você começar a usá-lo.

O Google afirma que o QSB usa uma grande variedade de resultados de busca, incluindo aplicativos, arquivos, música, busca na web, sugestões de navegação, histórico do browser e contatos.

O QSB também permite que você realize ações baseando-se nos resultados da sua busca, como enviar por e-mail os arquivos ou mandar uma mensagem instantânea aos seus contatos, entre outros.

Com o tempo o QSB entenderá seus hábitos de busca e organizará seus resultados baseando-se em suas seleções. O programa também é uma plataforma aberta, portanto, desenvolvedores podem criar plug-ins para otimizar a busca.

Um plug-in para Twitter, por exemplo, permite que você envie tweets direto do QSB. No entanto, o programa não é um cliente do Twitter, portanto você não terá como seguir os textos publicadod por outras pessoas.

Início
Uma vez instalado, o você pode iniciar o QSB pressionando duas vezes a tecla Command ou as teclas Control + barra de espaço. Em nossos testes, algumas vezes esses comandos não funcionaram. Nesse caso, tivemos que procurar pelo QSB usando o Spotlight e o iniciando a partir de lá. No entanto, quando o QSB entrou em ação, os atalhos pelo teclado funcionaram normalmente.

qsb1
Quick Search Box: ao clicar na seta de rolagem, surgem buscas específicas em sites cmo Wikipedia e YouTube

Quando o QSB estiver aberto, você verá uma barra de busca flutuante do Google e que pode ser movida para qualquer lugar em seu desktop. Clicando na seta para baixo localizada no canto inferior direito, você verá uma variedade de buscas específicas que pode fazer, incluindo Gmail, Wikipedia, YouTube e outras categorias de busca do Google.

Arquivos
Como o QSB integra seu desktop e suas buscas web, testamos esta ferramenta fazendo uma pesquisa com a palavra “PC World”. Como pode ver na tela, o QSB encontrou a pasta onde mantemos arquivos da PC World, além de outros inúmeros resultados, incluindo uma busca na web, Podcast da PC World, MP3s, entre outros.

Quando selecionamos a pasta PC World e pressionamos a tecla tab ou o botão da seta para direita, o QSB exibe o conteúdo da pasta, mostrando os primeiros cinco documentos e com a opção de ver mais.

Depois de selecionar um arquivo, é possível ver a variedade de tarefas que podemos fazer com ele. Entre as opções estão visualizar informações básicas do arquivo, apagá-lo e abri-lo.

Embora o QSB tenha ido  bem de maneira geral, nos surpreendemos ao descobrir que o aplicativo não conseguiu encontrar documentos específicos, mesmo quando digitado o nome exato do arquivo. O programa também falhou na opção de enviar por e-mail um arquivo.

Músicas
Procurar por uma música no QSB é mais fácil e rápido do que procurar a mesma no iTunes. Buscamos a canção “The Wrestler”, de Bruce Springstein. O QSB encontrou rapidamente o arquivo, e ofereceu uma variedade de opções de busca.

qsbmusica
Recurso de músicas: mais fácil do que encontrar canções no iTunes

Quando passamos para a próxima página, vimos uma lista com termos relacionados à música, incluindo o nome do artista e uma variedade de playlists que a canção estava associada.

Clicando sobre o arquivo é possível notar que a única ação disponível era tocar a música no iTunes. Embora tenha demorado o tempo de uma pesquisa e três cliques para fazer a música tocar, esses tipos de arquivos são facilmente manuseados pelo QSB. Gostamos também do fato do QSB abrir o iTunes e começar a tocar a música ao fundo.

Também testamos essa busca a partir de um CD de música sem proteção de cópia, e os resultados foram similares; no entanto, ao contrário da canção The Wrestler, nós conseguimos adicionar músicas sem proteção ao iTunes DJ. O único lado negativo foi que mais uma vez não conseguimos utilizar a opção de enviar o arquivo por e-mail.

Contatos
Entre as pesquisas que fizemos, a dos contatos foi de longe a mais fraca. Nos testes o QSB pesquisou apenas dentro do meu Apple Address Book, mesmo com o Microsoft Entourage instalado. O Spotlight, por outro lado, pode encontrar tudo dentro do programa Entourage, incluindo mensagens, reuniões e contatos.

Também autorizamos o QSB a pesquisar o Gmail e não obtivemos resultados desta conta de e-mail. Talvez seja porque você deve usar a função offline do Gmail para que o QSB faça a pesquisa pela sua conta, mas o programa não fornece nenhum tipo de instrução quanto a isso.

Mas se você utiliza o gerenciador de contatos da Apple como padrão, então você terá muitas opções pelo QSB. Pesquise por um contato e poderá enviar um e-mail ou até mesmo utilizar seu programa de mensagem instantânea iChat ou Skype.

Considerações finais

Nos testes, a aplicação do Google não teve bons resultados de busca como o Spotlight, mesmo com a empresa dizendo que o QSB utiliza o índex do Spotlight. Por exemplo, o histórico de navegação do Firefox teve uma baixa margem de acerto, enquanto o Spotlight acertou toda vez.

O QSB também foi um pouco restrito nas ações. O programa permitia que fosse acessado informações básicas de um documento, mas não de arquivos de vídeo ou áudio. Também seria interessante se o QSB mostrasse resultados da web e do Wikipedia dentro do programa, em vez de abrir uma página da web para isso.

Apesar de ter boas ferramentas, o Google precisa expandir as funcionalidades do programa e melhorar sua capacidade de busca. Se você está em busca de um aplicativo similar ao Spotlight, outros programas – como o Quicksilver – fazem um trabalho melhor.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site