Imagem de fundo do header
Gravador de DVD da Lite-On desenha “rótulos” nos discos
Home  >  Review
REVIEW

Gravador de DVD da Lite-On desenha “rótulos” nos discos

Modelo IHAS524-T98 grava e lê praticamente todos os tipos de mídia óptica atualmente no mercado, com exceção de Blu-ray

Jon L. Jacobi, PC World EUA

Foto:

Rotular discos, sejam CDs ou DVDs, sempre foi algo complicado. Rótulos impressos, seja diretamente ou em etiquetas adesivas, desequilibram o disco e às vezes arruinam a mídia. Escrever com uma caneta não dá uma boa aparência, e não dá para usar tecnologias como LightScribe ou LabelFlash para gravar um rótulo diretamente na superfície do disco a não ser que você use mídia especialmente preparada, que é bem mais cara.

É aí que entra o LiteOn IHAS524-T98, um gravador de DVDs interno compatível com a tecnologia LabelTag, capaz de “queimar” um rótulo na área de dados de qualquer CD ou DVD gravável.

DVD LiteOn - 360px
Lite-On IHAS524-T98: grava e rotula quase qualquer tipo de disco óptico no mercado

A técnica resulta em um rótulo bastante legível (sob condições normais), mas você perde parte da capacidade do disco e precisa virá-lo para ler o rótulo. Além disso, ele pode ser muito difícil de ler em discos com superfícies de tons claros. E uma vez rotulados, os discos não podem ser regravados, nem é possível adicionar informações em uma segunda sessão.

Além do suporte a LabelTag, este gravador de DVD tem alta confiabilidade e velocidade de escrita em qualquer formato suportato, ou que significa todos os atualmente no mercado, incluindo DVD-RAM, com exceção de Blu-ray.

Até o momento, o único software que suporta a tecnologia LabelTag é o Nero, e o pacote Nero Essentials acompanha o drive. E depois que me acostumei com a janelinha do LabelTag aparecendo a cada vez que eu clicava no botão Burn não tive problemas em usar o programa. Ela é bem organizada e foi projetada pela própria Lite-On. Mostra exatamente como o disco vai ficar, quanto de capacidade você vai perder e até mostra a cor do disco, para que você possa verificar a legibilidade. Mas a janela só vai aparecer quando você estiver prestes a gravar o disco, e o rótulo não pode exceder o espaço livre disponível. O espaço mínimo necessário para um rótulo é de cerca de 10%.

O rótulo criado pela LabelTag consiste em uma única linha de texto que circula a área ocupada pelos dados. O sistema funcionou bem, mas a legibilidade variou de acordo com a mídia. Discos com cores mais claras não tem contraste suficiente. Se este é o caso de seus discos, você terá de usar fontes maiores para garantir a legibilidade. Com discos de cor mais escura é possível usar fontes menores.

Disco LabelTag - 360px
Um disco rotulado com LabelTag. Rótulo se limita a apenas uma linha de texto

Minha única decepção com o LabelTag é que eu gostaria de poder ser capaz de colocar duas linhas de texto no rótulo, para que eu pudesse listar as faixas de um CD de música. Fora isto, a tecnologia é ótima para pessoas como eu que tem uma letra horrível. Pelo menos é melhor que usar uma caneta.

O IHAS524-T98 tem um bom desempenho, e em meus testes gravou todos os tipos de mídia suportados sem nenhum incidente. Vale o investimento, se você faz questão de rótulos impecáveis em seus discos.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site