Imagem de fundo do header
Por que os LCDs são tão finos e os CRTs tão espaçosos?
Home  >  Review
REVIEW

Por que os LCDs são tão finos e os CRTs tão espaçosos?

Por que os LCDs são tão finos e os CRTs tão espaçosos?

Mário Nagano

Foto:

DENTRO DE UM MONITOR COM TUBO DE IMAGEM (CRT), um canhão dispara um feixe de elétrons em direção à tela, fazendo os pontos coloridos (feitos à base de fósforo) brilharem. Potentes bobinas eletromagnéticas controlam o movimento desse feixe, para fazê-lo varrer a tela da esquerda para a direita, cobrindo toda a seqüência de linhas, de cima para baixo até que toda a tela seja coberta, formando a imagem. Quanto mais perto o canhão fica da tela, mais complicado é controlar o feixe com precisão.

OS LCDs NÃO UTILIZAM canhões de elétrons. Sua estrutura é formada por camadas, como um sanduíche, nas quais o cristal líquido fica depositado entre duas placas de vidro com uma placa luminosa por trás. Milhares de eletrodos transparentes organizados lado a lado, como numa folha milimetrada, controlam isoladamente a orientação das moléculas próximas ao líquido, permitindo ou não que a luz passe por uma camada de material polarizado. Essa montagem faz com que as telas LCDs sejam tão finas.

Leia Também

Tabela de características dos monitores LCD
LCD - Até quando será um sonho de consumo?
LCD como o centro das atenções
Quanto vale realmente um LCD?
Comparando um monitor com um modelo convencional
LCD - Vantagens e desvantagens
LCD - O que procurar na hora da compra?

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site