Imagem de fundo do header
R967: muitos megapixels e pouca bateria
Home  >  Review
REVIEW

R967: muitos megapixels e pouca bateria

Com 10 MP e LCD de 3 polegadas em um corpo em metal compacto, câmera não traz visor direto e ainda tem problemas com a bateria

Por Eric Butterfield, especial para PC WORLD*

hp_photosmart_70.jpg
Foto:

Com 10 MP e LCD de 3 polegadas em um corpo em metal compacto, câmera não traz visor direto e ainda tem problemas com a bateria

A Photosmart R967, da HP, é uma câmera de 10 megapixels (MP) que lembra muito o modelo anterior, a R927 (de 8,2 MP). Como ele, também traz um útil LCD de 3 polegadas em um corpo metálico compacto. Para tanto, deixou de lado o visor direto, que muitos fotógrafos, mesmo amadores, gostam tanto.

hp_photosmart200A R967 incorporou o recurso antichoque para evitar fotos tremidas e remoção automática de olhos vermelhos. Apesar do melhor desempenho do seu processador, que resulta em imagens de alta qualidade, a bateria ainda desaponta.

No teste com a bateria de íons de lítio que acompanha a câmera foi possível capturar apenas 180 imagens com uma única carga – 100 fotos a menos do que a média de mercado.

Nos testes realizados, as imagens obtidas obtiveram pontuação elevada, com nota final muito boa. A única exceção fica por conta da distorção, que deixou a desejar. Mas como câmera destinada para fotógrafos mais interessados em apontar e clicar, a R967 se sai muito bem.

Por conta disso, ela não inclui um grande número de botões. Um deles é utilizado para ligar e desligar o flash. Outro aciona o menu Photosmart Express, usado para imprimir diretamente a partir da câmera (em uma impressora compatível).

A câmera permite adicionar recursos criativos às imagens tais como substituição de cores, simulação de histórias em quadrinhos e efeito aquarela, tudo sem a necessidade de software adicional.

E aplicar esses efeitos também é fácil e leve cerca de 10 segundos em uma imagem capturada na resolução mais alta.

A R967 permite criar o efeito panorama com até cinco imagens, mas o processo é um pouco demorado. No teste, feito com três imagens, ela levou 30 segundos para linkar as imagens.

Com cinco imagens, o tempo subiu para um minuto – tudo bem que o alinhamento das imagens capturadas não seguiu as guias do modo panorâmico, que são mostradas no LCD para assegurar precisão nas imagens tomadas seqüencialmente.

O modo de iluminação adaptativa é uma das funções que merece destaque. Ele ajuda no ajuste da intensidade do flash, com melhoria significativa na captura de imagens em ambientes fechados.

Mas se a idéia é fotografar sem o flash, o recurso não ajudará em nada. No modo teatro (que desabilita o flash), não notamos melhora significativa nas imagens capturadas, comparando aquelas obtidas com o iluminação adaptativa ligada das que não usaram o recurso.

* Eric Butterfield é editor sênior da PC WORLD (EUA)

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site