Imagem de fundo do header
Pintura digital é com ele mesmo
Home  >  Review
REVIEW

Pintura digital é com ele mesmo

Pinturas e ilustrações produzidas com o Painter, da Corel, parecem criadas com técnicas e materiais de um estúdio real

PC World - Espanha

Foto:

Painter_IXO Painter, da Corel, é um programa que permite obter pinturas e ilustrações que dão a impressão de terem sido criadas com técnicas e materiais usados em um estúdio real. Quase simultaneamente a sua apresentação, a Wacon lançou a mesa digitalizadora Intuos 3, a melhor forma de provar o Painter IX em todo a sua grandeza, com estilos que simulam alguns meios naturais de desenho. Realmente, o Painter engloba e reforça o que se poderia conseguir, ainda que com muitas dificuldades, com programas de fotografia, desenho, efeitos ou filtros. Ele oferece um ambiente útil e prazeroso a desenhistas, designers gráficos e até mesmo fotógrafos.

Usuários de outras versões vão gostar de saber que as novas otimizações, trabalhadas em conjunto com a Apple, a AMD e a Intel, aceleraram a interface e a maioria dos pincéis entre duas e dez vezes. A estabilidade também foi melhorada. Estes recursos não significam, no entanto, que o programa não requeira um computador potente para a elaboração de grandes trabalhos nem que possamos perder de vista o comando Salvar durante sua execução.

A interface mais racional e as novas possibilidades de personalização também agilizam o trabalho em geral. O programa oferece uma completa personalização das teclas de atalho e nova paleta de configuração de estilos de pincel, com ajustes deslizantes que não interrompem o fluxo de trabalho. Tendo em vista o trabalho dos profissionais de animação, o novo controle de fotogramas permite visualizar e variar a freqüência entre 1 e 40 quadros por segundo. Para os artistas, por sua vez, o programa inclui o novo Artists' Oils Painting System, que permite aplicar novas cores da paleta à tela virtual. Outra novidade é o Snap-to-Path, recurso por meio do qual é possível alinhar traços em volta de um contorno ou caminho vetorial , economizando tempo na simulação de desenhos a “mão livre”. O programa também oferece uma aquarela digital. Além disso, permite manter a umidade entre as sessões de trabalho e controlar as bordas dinamicamente.

Para os fotógrafos, a Corel inclui a nova função Quick Clone. Esse recurso facilita a transformação de fotografias em desenhos com apenas um passo. Em conjunto com os famosos efeitos da coleção KPT, também de propriedade da Corel, esse recurso permite aplicar efeitos de reflexos em lentes, raios, distorções e pintura com gelo com resultados sensacionais. Para esses profissionais também é importante a compatibilidade com arquivos PSD do Photoshop para conservar as máscaras de camadas, os grupos de camadas e os canais alfa. Além disso, é possível acrescentar novas camadas sobre a camada selecionada e fundir camadas com diferentes de diferentes formas. A administração de cor baseada em perfis ICC 4.0 permite a correspondência da cor na tela com a do material impresso.

Ainda tem dúvidas sobre o produto? Tudo no pacote Painter IX ajuda a criar um ambiente onde predomina a arte sobre a tecnologia. Até a caixa e o manual são boas amostras das possibilidades da arte digital. Talvez o produto da Corel não tenha custo acessível e exija uma mesa digitalizadora para mostrar todo o seu potencial, mas considerando a qualidade do manual e levando em conta que inclui versões para Windows e Mac, é fácil recomendar o Painter IX como um programa quase único para um amplo grupo de pessoas criativas.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site