Imagem de fundo do header
Com jeitão de Office
Home  >  Review
REVIEW

Com jeitão de Office

Para facilitar a criação de PDFs, o Acrobat 7.0 investe na integração com os aplicativos da Microsoft

Henrique Martin

Foto:

Acrobat 7Já foi o tempo em que criar arquivos em formato PDF dava um trabalhão. O Acrobat 7.0, por exemplo, integra-se ao Office para tornar a rotina de criação desses arquivos muito mais simples.  Além disso, a nova edição incorpora recursos de segurança e de compartilhamento de informações muito parecidos com os presentes no pacote de produtividade da Microsoft – tem até suporte a XML. O programa chega às lojas neste mês em duas versões: Standard e Professional.  Há ainda uma terceira versão – a Elements – para a geração de PDFs simplificados, mas ela é vendida apenas em grandes licenças. 

A integração com o Microsoft Office XP (Windows) e com o Office 2004 (Mac) incluiu aprimoramentos no plug-in PDF Maker. Além do menu Adobe PDF e dos botões nas barras de ferramentas dos aplicativos, o Acrobat converte mensagens e pastas do Outlook em formato PDF. O arquivo final inclui recursos de busca e serve como cópia de segurança. Se for preciso adicionar mais e-mails ao arquivo, o Acrobat insere novas informações sem nenhum problema. Outra novidade é o gerenciamento de todos os arquivos PDF no disco rígido e na rede local. Basta selecionar o PDF desejado para que uma janela no Organizer mostre todo o seu conteúdo.

Mesmo quem não tem Acrobat saiu ganhando com a nova versão. Os arquivos criados no Acrobat 7.0 podem ser revisados por qualquer pessoa, mesma aquelas que disponham apenas do Reader 7.0.

Para usuários profissionais, a Adobe incluiu checagem de arquivos PDF para pré-impressão, capaz de conferir todas as fontes e imagens usadas nos documentos. A empresa acrescentou também um fluxo de impressão com arquivos padrão PDF-X (para profissionais de artes gráficas), PDF/E (engenheiros) e PDF/A (preservação de arquivos digitais). A versão Professional inclui a capacidade de inserção de objetos 3D criados em CAD, com múltiplas visões no próprio PDF. O Adobe Designer, por sua vez, é uma ferramenta para desenho de formulários XML.

Acrobat 7.0
Fabricante: Adobe Systems
Para que serve: criação de documentos eletrônicos
Prós: facilidade de uso; boa integração com o Office
Contra: relativamente caro para a geração de PDFs
simples
Preço: 1.440 reais, com o dólar cotado a 2,77 reais
Onde encontrar: Adobe Systems – 0800-161009
www.adobe.com.br
Avaliação final: 4,5

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site