Imagem de fundo do header
Editor de vídeo de qualidade para iniciantes
Home  >  Review
REVIEW

Editor de vídeo de qualidade para iniciantes

O Adobe Premiere Elements 3 vem recurso de storyboard e um atalho que facilita a narração dos vídeos

Por Alan Stafford, da PC World/EUA

Foto:

O Adobe Premiere Elements 3 vem com recurso de storyboard e um atalho que facilita a narração dos vídeos

adobe premier 3Diariamente, mais de 65 mil vídeos são inseridos no YouTube (comprado nesta segunda-feira (09/10) pelo Google). E, após o lançamento do novo Premiere Elements 3, da Adobe, que acontecerá no Brasil somente em novembro, o site de compartilhamento de vídeos poderá receber ainda um número ainda maior de vídeos, levado em conta a eficiência e facilidade de uso do aplicativo.

Utilizando storyboards para editar

A melhoria mais visível no editor de vídeos é a adição do atributo de storyboard, que a Adobe chama de “Sceneline”, e cuja função é ser uma alternativa à linha do tempo padrão do aplicativo.

Esta funcionalidade, comum em editores de vídeo para iniciantes, torna o trabalho mais fácil devido aos espaços de tempo pré-determinados. Isso significa que você arrasta seus clipes até a caixa do storyboard e, então, arrasta os efeitos de transição nos boxes que ficam entre os clipes. No caso do Elements 3, especificamente, você pode clicar com o botão direito do mouse nas caixas e escolher a transição por meio de uma lista. Para facilitar mais ainda, os boxes de clipes são nomeados com “Arraste um clip aqui para acrescentar um filme”.

O Sceneline não é tão diferente do storyboard da Pinnacle Studio — com exceção de que os boxes são maiores. Assim como o Pinnacle Studio, o Elements 3 permite usar um storyboard para montar mais rapidamente um layout difícil e, depois de este ser concluído, faz a troca pela linha do tempo, para melhor controle do editor.

O software permite que tanto o storyboard quanto a linha do tempo sejam configurados como plataforma de trabalho principal para organizar clipes de áudio e vídeo, transições, aplicações de efeito, ajustes de som e outros atributos.

Apesar de menos importante, outras novas funcionalidades foram muito bem vindas. Com a atualização, é possível importar e editar vídeos em alta definição, mesmo considerando o custo alto e, por isso, o pouco uso das filmadoras de alta definição — o programa, no entanto, já está preparado para um futuro próximo.

Um novo modelo de filmagem em câmera lenta permite capturar imagens paradas em intervalos regulares e ajustáveis; é a técnica de clay animation ou Claymotion, que utiliza materiais maleáveis como barro ou massinha para fazer cenários e personagens e foi utilizada no longa-metragem “Fuga das Galinhas”.

++++

Para isso, basta conectar sua filmadora, estabelecer dois parâmetros e o aplicativo irá inserir automaticamente as imagens paradas no Sceneline ou na linha do tempo. Descobrimos que o atributo trabalha melhor em vídeos seqüenciais que não mudam muito; em casos contrários, as transições em movimento de quadro a quadro ficam muito berrantes; ajuda planejar sua filmagem com antecedência se estiver pensando em usar o atributo.

Narre sua história

Caso você tenha um microfone ligado ao computador, é possível gravar a narração de uma história. Basta clicar no botão perto do topo da tela do Premiere Elements e, quando a gravação estiver concluída, o aplicativo irá inserir, automaticamente, o arquivo de voz em uma nova camada no Sceneline ou na linha do tempo. Esse atributo é fácil de usar e merece ser testado.

Se quiser acrescentar uma tela de título na sua composição, há um botão que facilita o trabalho: basta clicar e digitar o texto de sua preferência e, para editar a forma, há uma janela facilmente acessível com todos as fontes comuns e controles de caracteres.

Sabe o que falta no software? Um link para sites de compartilhamento de vídeo. A Adobe possui uma nova página na web para o compartilhamento que é acessível pelo PhotoShop Elements 5, mas não pelo Premiere Elements. Além do mais, o site é muito básico e não tem o mesmo tráfego de sites mais consolidados. O ideal seria alguma integração com o YouTube, como um botão “fazer upload no site”. Outro problema, para os usuários brasileiros, é que ainda não existe uma versão em português.

Quem já se sente confortável usando somente a linha do tempo do Premiere Elements 2, talvez a atualização para o Elements 3 não seja tão significativa. Exceto pelo Sceneline, a nova versão é uma coletânea de pequenas melhorias. Pode-se dizer que o Elements 2 é ótimo para quem está começando, mas o Elements 3 é ainda melhor.

Para mais informações, acesse o site do produto.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site