Imagem de fundo do header
Gerenciamento sem segredo
Home  >  Review
REVIEW

Gerenciamento sem segredo

Switch da Trellis tem preço atraente para empresas de pequeno e médio portes

Por Mario Nagano

Foto:

Switch da Trellis tem preço atraente para empresas de pequeno e médio portes

gerenciar100x150Tradicional fabricante no segmento de redes, a Trellis lançou recentemente o SW24GX, um switch gerenciável de uso simples e prático que dispensa tanto o domínio quanto o ônus do protocolo SNMP.

Disponível apenas na versão com 24 portas (todas MDI/MDIX), o equipamento mede 44 centímetros x 4,3 x 14,8 cm (LxAxP) e pode ser montado em um rack padrão de 19 polegadas com a ajuda de suportes laterais que acompanham o produto.

Seu visual é muito simples, com um amplo painel de estado à direita e uma porta serial à esquerda, para comunicação direta com PC por meio de qualquer programa de terminal VT100, como o HyperTerminal do Windows. Por não ter ventilador interno, o SW24GX é silencioso e pode ser instalado em qualquer ambiente sem incomodar.

Para chegar a um preço competitivo (507 reais), a Trellis abriu mão dos recursos de SNMP e optou por uma solução proprietária baseada em um utilitário RMT (incluso no pacote). Ao ser executado no Windows, ele é capaz de localizar outros switches do mesmo tipo (por meio do seu endereço MAC) e de monitorar o estado de cada porta Ethernet.

Isso facilita muito a vida do responsável pela rede, que pode identificar possíveis problemas de conexão sem sair de seu computador. Entre os vários recursos disponíveis, está o de isolar logicamente algumas portas do switch, formando as chamadas VLANs (até 32), recurso útil para separar certos grupos de usuários (financeiro, diretoria, prestadores de serviço etc.) e impedir que acessem locais da rede não autorizados.

Também é possível controlar individualmente a largura de banda de cada porta (de 128 kbps até 8 Mbps), recurso importante na distribuição de acesso à internet em condomínios, e ainda priorizar o tráfego de informação de portas específicas para aplicações (como VoIP e streaming de vídeo) que não podem sofrer interrupção no fluxo de dados.

Outro recurso interessante é o Trucking. Ele permite a conexão de um switch a outro por mais de uma porta de rede para aumentar a taxa de transmissão entre os equipamentos e dispensar a necessidade de portas Gigabit Ethernet para construir backbones na rede.

Nos testes realizados, foi possível confirmar os recursos oferecidos, inclusive com a criação de VLANs e a limitação de banda por porta.O RMT em si é um programa muito simples de ser operado, embora alguns dos termos usados pela interface sejam muito técnicos; quem não está acostumado com tecniquês pode ter alguma dificuldade, mas nada que não possa ser aprendido.

Vale a pena observar também que o RMT só está disponível para Windows. Para usuários de Linux, resta a opção de configurar o switch pela porta serial (via VT100); para os de Mac talvez nem isso, a não ser que tenham uma porta serial disponível nos seus computadores.

O SW24GX atende bem a sua proposta de simplicidade, embora isso possa ser interpretado por algumas pessoas como limitações. Mas para seu público-alvo (pequenas e médias empresas) esta é uma opção de switch a ser considerada.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site