Imagem de fundo do header
Placa traz chipset da NVidia, mais memória e permite overclocking
Home  >  Review
REVIEW

Placa traz chipset da NVidia, mais memória e permite overclocking

Modelo da Biostar vem com chip GeForce 8600 e 512 MB de memória

Por René Ribeiro, da PC WORLD

biostar8600_150.jpg
Foto:

biostar8600_150
Mais uma opção de placa de vídeo
chega ao mercado. Não que seja exatamente uma novidade, mas oferece algo a
mais. A fabricante Biostar exibe seu modelo de GeForce 8600 GTS, mas com 512 MB
de memória – outras dessa categoria vinham com 256 MB. Apesar de mais memória (útil no desenho de de texturas), o desempenho não aumentou muito. Mas ela vem com a possibilidade de fazer overclock na placa e com software específico para
isso acompanha o produto.

Como outros modelos que utilizam o chip
8600, da NVidia, ela tem recursos como o Purevideo, que otimiza a codificação e
decodificação de vídeos em alta definição. Outro recurso é a possibilidade de
fazer SLI (Scalable Link Interface), técnica criada pela NVidia para unir
duas placas de vídeo e assim aumentar o desempenho. A contrapartida disso é que torna-se necessário usar um slot a mais, padrão PCI express x16, e exige que a fonte de
alimentação do computador tenha ao menos 500 watts.

Nos testes, ela mostrou que dá
conta do recado, se não utilizar resolução muito alta (1600 x 1200) e tirar um
pouco de filtros anisotrópico e antialising. Com um PC equipado com processador
Core 2 Duo E6500 e 2GB de RAM DDR2, rodamos o software de benchmarking 3DMark05.
Na resolução de 1600 x 1200 com antialising em 4x e filtro anisotrópico em 16x, ela obteve 5.357 pontos. O resultado ultrapassa a média, o que já era esperado por conta da memória extra. Placas com o mesmo chip e 256 MB de memória alcançam 5.310 pontos.

Utilizando o Turbo Clock 2, sofware que acompanha a placa a Biostar, o overclock foi simples de fazer. Com ele é possível ir
alterando os parâmetros do clock de memória e do processador e realizar testes para verificar se a placa suporta os valores alterados.

Em nossos testes, registramos um aumento de 6% no desempenho. Acima disso, a placa já não suportava aumento das freqüências. Ao rodar um jogo pesado, como
FEAR, foi necessário utilizar resolução de 1280 x 1024 e deixar os filtros
antialising em 2x e o anisotrópico em 8x, de forma que o jogo não ficasse com
irritantes “brecadas”.

Mesmo com tal configuração ainda é possível
ver sombras, reflexos de luz e efeitos de fumaça, sem perder as emoções do
jogo. Os chips da NVidia, desde a versão 8400 suportam as instruções do DirectX 10, versão que roda apenas no Windows Vista.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site