Imagem de fundo do header
Novo MacBook Pro 17″ supera o anterior, mas fica atrás do modelo de 15”
Home  >  Review
REVIEW

Novo MacBook Pro 17″ supera o anterior, mas fica atrás do modelo de 15”

Desempenho do novo portátil não atinge o oferecido pelo equipamento com tela menor e processador Core i7 de 2,66 GHz; comparamos a performance de quatro notebooks

Macworld / EUA

macbookpro15-150.jpg
Foto:

O mais novo MacBook Pro de 17 polegadas da Apple – lançado como parte da revisão de laptops do último mês – oferece uma impressionante mistura de preço menor e ganho de desempenho em relação ao seu antecessor.

Para recapitular as recentes mudanças da MacBook Pro Line da Apple – que também inclui novas versões de 13 e 15 polegadas – o novo modelo de 17 polegadas tem o visual idêntico ao MacBook Pro de 17 polegadas (US$ 2.499) lançado no último ano. Mas isso só acontece por fora – no interior do novo laptop, o processador Intel Core i5 2.53GHz substitui o Intel Core 2 Duo 2.8GHz utilizado anteriormente.

Também há novas atualizações para as placas gráficas dual e para a maneira que você faz a mudança entre elas. A Nvidia GeForce GT 330 M toma o lugar da placa Nvidia GeForce GT 9600M como uma opção discreta com gráficos melhores. A aceleraçnao Intel HD agora é utilizada como a opção de gráficos de baixo consumo (economiza energia), no lugar da Nvidia GeForce 4200 M usada no modelo de 17 polegadas do final de 2009. Como nos mais novos MacBook Pros de 15 polegadas, uma nova tecnologia de mudança automática de gráficos realiza alterações diretamente entre os processadores dependendo das necessidades dos aplicativos que estão sendo executados.  

O número, tipo e lugar de colocação das portas continuam iguais no mais novo MacBook Pro de 17 polegadas, assim como a ótima tela de resolução de 1920 por 1200 e backlighting de LED, os 4GB de RAM, o HD de 500GB e 5400RPM, e sua bateria.

 464063_g1.jpg

Novo MacBook Pro possui grandes avanços em relação aos modelos anteriores de 17 polegadas.

Artista performático

Já que a maior parte das mudanças significativas da configuração do modelo de 17 polegadas foi realizada "embaixo da tampa", vamos focar em seu desempenho. Ao utilizar o nosso benchmark de performance Speedmark 6 para comparar o novo laptop Core i5 com 2,53 GHz, a partir de R$ 8.199,00 (US$2.299 nos EUA), ao seu antecessor Core 2 Duo 2.8 GHz, descobrimos que o modelo mais recente é 12% mais rápido do que o modelo mais caro com Core 2 Duo.

 grafico_novo_macbookpro_17pol.jpg

 

O novo sistema teve seus maiores ganhos em tarefas de uso intensivo de processador, como Cinebench, que mostrou que o novo modelo é 22% modelo mais rápido, e MathematicaMark 7, onde o novo laptop derrotou seu antecessor por 30%. No Aperture, o novo MacBook Pro, ele  foi 21% mais rápido ao importar fotos e desenvolver thumbnails e previews do que o modelo antigo. No entanto, em outros testes, como Photoshop, Finder (compactar e descompactar arquivos), e iMovie (exportar), houve pouca ou nenhuma diferença de desempenho entre os dois computadores.

Com exceção do tamanho da tela e dos 256 MB extras de memória gráfica, o novo MacBookPro de 17 polegadas possui quase todas as mesmas especificações do modelo de 15 polegadas, com valor de R$ 7.099,00 (US$ 1.999 nos EUA), especialmente o processador Core i5 2.53GHz que equipa cada laptop. Por isso, não é surpresa observar que os dois modelos tiveram desempenhos muito parecidos – na verdade, em mais da metade dos testes do Speedmark 6 a diferença de resultado ficou entre um e dois segundos, incluindo Photoshop, Cinebench, Mathematica, iMovie import, iTunes, iPhoto, Pages, e Handbrake. A maior diferença aconteceu no teste Compressor, em que o modelo de 17 polegadas foi 10% mais rápido do que seu “irmão menor”.

 


NOTA DA TABELA

Os melhores resultados estão em vermelho. 
Sistemas de referência em itálico.

Resultados do jogo Call of Duty estão em frames por segundo.
O MathematicalMark mostra o resultado de desempenho. Todos os sistemas foram
testados com o Mac OS X 10.6.3, com 4 GB de memória RAM. O teste do Photoshop
foi feito com um pacote de 14 funções em scripts, com um arquivo de 50 MB. A
memória com o Photoshop foi ajustada para 70% e o Histórico ajustado para o Mínimo.
Marcamos o tempo que levou para renderizar uma cena com multiprocessamento no
Cinebench. Foi usado o Compressor para codificar arquivos .mov no formato
H.264. Cronometramos o tempo de importação e criação de miniaturas de 150
fotos. No iMovie, foi importado um arquivo de filmadora e exportado para o
iTunes com definição para dispositivos portáteis. Convertemos 90 minutos de
arquivos de áudio AAC para MP3 com a qualidade máxima. Descompactamos um
arquivos de 2 GB no Finder. Rodamos o teste multitarefa no WordBench 6 sendo
executado no Parallels VM. Foram importadas 150 fotos .jpeg no iPhoto.
Extraímos um capítulo de DVD para o disco rígido com o HandBrake e abrimos um
documento de 500 páginas do Word, no Pages’ 09. Testes de bateria envolveram a
exibição de um clipe de vídeo em tela cheia e com brilho total no Quicktime,
com ajustamento de luz ambiente desligado enquanto conectado a uma rede Wi-Fi.

 

Mas o novo MacBook Pro de 17 polegadas não conseguiu superar outra configuração de 15 polegadas – o modelo que possui um processador Core i7, que custa R$ 7.699,00 (US$2.199 nos EUA). O último superou o modelo de 17 polegadas e seu processador Core i5 2.53GHz por cerca de 5% em nossos seis testes Speedmark, com as maiores diferenças em Cinebench e MathematicaMark. Os dois sistemas tiveram desempenhos muito próximos nos testes Handbrake, Finder, iMovie, e iPhoto.

Uma comparação entre o novo laptop de 17 polegadas e o iMac Core i5 2.66GHz (US$ 1.999) mostra a “punição” pela escolha de um portátil em vez de um desktop. iMacs e Mac Pros utilizam discos rígidos de 7.200 RPM, enquanto MacBook Pros utilizam modelos mais lentos de 5.400 RPM. Além disso, os laptops usam versões móveis dual-core do Core i5 e do i7, enquanto os iMacs possuem versões desktop quad-core dos processadores.

464063_g3.jpg

Novo modelo oferece melhor desempenho e preço menor em relação ao seu modelo anterior.

As versões móveis do Core i5 e do Core i7 suportam Hyper-Threading, tecnologia que utiliza núcleos virtuais para dobrar o número de processadores visíveis para o sistema operacional. O i7 para desktop suporta Hyper-Threading, se apresentando ao sistema operacional como processador 8-core, mas o i5 de desktop não suporta o esquema de núcleo virtual, trabalhando apenas com seus quatros núcleos físicos.

Os processadores móveis e desktop oferecem Turbo Boost, que permite que o processador acelere por um curto período de tempo quando necessário, ou que desligue núcleos não utilizados e dê recursos extras para os que estão sendo usados. Por exemplo, o Turbo Boost pode aumentar a velocidade do relógio do processador Core i5 2.53GHz para até 3.07GHz.

Como isso se traduz em termos de desempenho? Em nossos testes, o iMac de 27 polegadas com Core i5 de 2.66GHz foi 37% mais rápido no geral do que o MacBook Pro de 17 polegadas com Core i5 de 2.53GHz. O computador de mesa se saiu melhor em todos os testes, sendo que as maiores diferenças foram encontras nos testes de uso intensivo de processador, incluindo o MathematicaMark 7, em que o iMac foi 79% mais rápido do que o laptop.

 


NOTA  DA TABELA

Os melhores resultados estão em vermelho. 
Sistemas de referência em itálico.

Resultados do jogo Call of Duty estão em frames por segundo.
O MathematicalMark mostra o resultado de desempenho. Todos os sistemas foram
testados com o Mac OS X 10.6.3, com 4 GB de memória RAM. O teste do Photoshop
foi feito com um pacote de 14 funções em scripts, com um arquivo de 50 MB. A
memória com o Photoshop foi ajustada para 70% e o Histórico ajustado para o
Mínimo. Marcamos o tempo que levou para renderizar uma cena com
multiprocessamento no Cinebench. Foi usado o Compressor para codificar arquivos
.mov no formato H.264. Cronometramos o tempo de importação e criação de
miniaturas de 150 fotos. No iMovie, foi importado um arquivo de filmadora e
exportado para o iTunes com definição para dispositivos portáteis. Convertemos
90 minutos de arquivos de áudio AAC para MP3 com a qualidade máxima.
Descompactamos um arquivos de 2 GB no Finder. Rodamos o teste multitarefa no
WordBench 6 sendo executado no Parallels VM. Foram importadas 150 fotos .jpeg
no iPhoto. Extraímos um capítulo de DVD para o disco rígido com o HandBrake e
abrimos um documento de 500 páginas do Word, no Pages’ 09.

 

Carregue

Mudanças nos chips gráficos e alterações sutis na bateria permitem que o MacBook Pro i5 de 17 polegadas tenha maior duração de bateria do que seu modelo anterior. Nossos testes mostram por quanto tempo o computador pode funcionar enquanto exibe um filme em tela cheia com brilho máximo utilizando o Quicktime e conectado a uma rede Wi-Fi. Quando testamos o novo modelo de 17 polegadas, descobrimos que ele possui duração 8,5% maior do que o sistema que substitui. Já na comparação do Core i5 de 17 polegadas com os novos modelos de 15 polegadas, constatamos que o modelo de 15 polegadas 2.53GHz dura 5% mais, e que o Core i7 2.66GHz de 15 polegadas dura 10% mais.

Note que esses testes – e dessa maneira geral os resultados – diferem muito daqueles citados nos materiais promocionais da Apple. Segundo as especificações técnicas da empresa, os MacBook Pros de 15 e de 17 polegadas oferecem entre oito e nove horas de vida de bateria.

Você tem opções
A Apple oferece uma variedade de opções para "customizar" o MacBook Pro de 17 polegadas. Para mais força de processamento, um Intel Core i7 de 2.66GHz está disponível por mais R$ 700,00 (US$ 200 nos EUA). Duplicar a memória RAM para 8 GB irá custar um extra de R$ 1.400,00 (US$400 nos EUA), e também são oferecidos drives mais rápidos, incluindo discos de estado sólido (SSD).

Para os incomodados com seus reflexos no monitor, há a opção de uma tela antiglare por mais R$ 175,00 (US$ 50 nos EUA).

Apesar de não avaliarmos produtos montados (built to order), planejamos colocá-los em nossos testes para que você saiba qual o retorno que recebe pelo seu dinheiro investido. Em breve publicaremos novos testes com tais modelos.

 

Conselho de compra da Macworld

 O novo MacProok Pro de 17 polegadas oferece desempenho melhor, bateria com duração um pouco maior, e custa US$200 menos do que o sistema que substitui (e custa US$ 500 menos do que o MacBook Pro de 17 polegadas, lançado em janeiro de 2009). O modelo de 15 polegadas Core i7 2.66 GHz, menor e mais leve, custa menos e possui melhor performance, mas se você quer uma tela maior ou exige um slot ExpressCard/34, o modelo de 17 polegadas é o único membro da linha de laptops da Apple a oferecer tais recursos. Para os usuários que preferem telas maiores, esta nova configuração é uma melhoria definitiva sobre as ofertas anteriores de 17 polegadas.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site