Imagem de fundo do header
InDesign CS5 entra de vez nos documentos interativos e eletrônicos
Home  >  Review
REVIEW

InDesign CS5 entra de vez nos documentos interativos e eletrônicos

As novas ferramentas para adicionar interatividade em Flash, vídeo e áudio, além de sua integração suave com o Flash Professional, dão aos designers um controle sem precedentes

Macworld/EUA

150.20.jpg
Foto:

De acordo com pesquisa da Adobe, o InDesign não é mais utilizado apenas para trabalhos impressos; ele agora também é adotado em uma grande variedade de projetos, incluindo aqueles direcionados a aparelhos móveis e online. Nos dias atuais, os consumidores desejam maneiras mais simples de adicionar interatividade, exportar documentos para Flash, criar e-books (livros eletrônicos), e buscam técnicas dinâmicas para os trabalhos no dia-a-dia. E quando você testa o novo InDesign com esses objetivos, o resultado é altamente satisfatório.

Flash e interatividade
Muitos trabalhos que antes exigiam a perícia (e despesa) de um desenvolvedor em Flash agora podem ser realizados dentro do InDesign CS5. De fato, o programa agora inclui muitos dos mesmos presets (pré-ajustes) de movimento do Flash Professional CS5. Os usuários do InDesign também podem criar seus próprios presets customizados para animar praticamente qualquer objeto na página – e esses pré-ajustes também podem ser usados no Flash.

O processo de animação é direto, mas não para quem tem coração fraco, especialmente se você é um expert de editoração eletrônica tradicional, mas não necessariamente um jockey do Flash. Como com a maioria das coisas interativas, espere um pouco de erro e dificuldade para conseguir fazer as coisas funcionarem do jeito que você quer.

Enquanto estiver construindo sua obra-prima interativa, você certamente precisa dar previews frequentes para ver como ela está ficando, e o novo painel de Preview do InDesign mostra o seu trabalho sem a necessidade de exportar o arquivo antes.

Se gostar do que surgir na tela, é possível exportar uma parte ou o documento todo como um arquivo SWF finalizado, que agora pode incluir animações, vídeos e áudio, além de botões, transições de página e links. Note que animações criadas no programa só funcionam com exportações SWF e FLA, mas são ignoradas por arquivos PDF exportados.

Os arquivos interativos PDF e SWF se beneficiam de uma grande variedade de formatos de arquivos, que você pode importar e utilizar no InDesign CS5. Além de arquivos MOV, AVI, e WMV, agora também é possível importar SWF, FLV (Flash video), e MP3. O programa também vem com o Adobe Media Encoder, que pode ser usado para converter outros formatos de vídeo para FLV.

Muitos painéis novos fornecem controle para essas maravilhas multimídia interativas. O novo painel Animation permite que você escolha um preset de movimento para aplicar a um objeto selecionado. Ele será animado quando o arquivo for exportado para SWF.

Outros controles do painel deixam você modificar opções como duração, velocidade, rotação, escala e transparência da animação. Além disso, é possível criar seu próprio caminho com a ferramenta Pen e utilizar o botão Convert to Motion Path no painel para fazer um objeto selecionado seguir um determinado curso.

151033-interactive-workspacenew_original.jpg

O preset da área de trabalho Interactive fornece todos os painéis necessários para criar e controlar animações.

O InDesign CS5 introduz um novo tipo de objeto chamado "objeto multi-estado" (MSO – multi-estate object). Você usa o painel Object States para criar e controlar objetos multi-estado – itens de página que possuem múltiplas aparências. Novas ações do botão dão ao visor de SWF uma maneira de alterar os estados (aspectos) dos objetos.

O painel Timing (que é um anexo do painel Animation) deixa você controlar a ordem da execução (timing) de duas ou mais animações em uma expansão – como bullet points em uma apresentação ou imagens em um slideshow, ajustar a animação para dar um loop ou ser executada um número específico de vezes, linkar objetos animados para que toquem simultaneamente, e mais.

Com o Media Panel, você pode administrar todos os seus arquivos de áudio e vídeo adicionados, se seus formatos permitirem. Você ainda pode selecionar um único frame do vídeo (chamado de poster frame) para representar o vídeo em seu documento do InDesign CS5 quando o vídeo não estiver tocando. Além disso, se estiver trabalhando com arquivos de vídeo FLV ou H.264, você pode pegar “skins” para o controlador de playback, e criar pontos de navegação que determinam qual parte do vídeo toca quando você aperta um botão ou dispara uma ação.

Integração do Flash Professional
Se o seu projeto exige trabalho adicional no Flash Professional, muito da habilidade do InDesign é reaproveitada, incluindo tipografia e estruturas de texto enfileiradas, objetos multi-estado, e arquivos de áudio e vídeo. Por exemplo, qualquer objeto que você animar com os presets de movimento é adicionado automaticamente à timeline do Flash como um objeto em movimento. A estrutura original da layer (camada) do seu documento InDesign CS5 é até recriada na timeline do Flash, para que um desenvolvedor Flash possa facilmente entender como as páginas foram criadas.

E-books e Dreamweaver
Quando você exporta um documento para o formato ePub (popular para e-books), é possível controlar a ordem de leitura baseado na estrutura de seu documento. Você também pode usar CSS (linguagem de programação) para criar um styling consistente por toda a obra, e adicionar quebras de capítulos, format tables e fontes de subconjunto (o que significa que apenas os caracteres usados no documento irão para o e-book).

Exportar para o Dreamweaver também foi algo suavemente melhorado no InDesign. Utilizando o painel Structure, você pode controlar a ordem em que o conteúdo da página é colocado na Web quando ele é importado para o Dreamweaver. Além disso, a nova versão do programa gera CSS mais parecidos com os atributos de texto que você definir no In Design.

Maior eficiência
O CS5 agora exige menos passos quando você estiver manipulando objetos de página. Por exemplo, em vez de ficar mudando constantemente de ferramentas para tarefas diferentes, agora é possível usar a boa e velha ferramenta Selection para alinhar, distribuir, girar, mudar de tamanho, repor, cortar (crop), e escalar frames e conteúdo em frame. Você também pode aplicar cor em um objeto ao usar o painel Control em vez do Swatches.

O painel Layers também foi redesenhado, e agora é parecido com o do Adobe Illustrator. Você pode ver uma lista de objetos empoleirados em uma determinada camada, além de poder selecionar, esconder, nomear, bloquear e alterar a ordem de qualquer objeto lá mesmo no painel. Objetos agrupados também aparecem, com um conveniente triângulo de transparência, que permite que você veja e rearranje os itens dentro do grupo.

Outra novidade é a opção Auto-Fit, que controla o que acontece quando você redimensiona um frame gráfico. Isso pode ser muito útil quando você estiver usando a nova ferramenta Gap, que permite que você ajuste o espaço branco entre os múltiplos objetos enquanto mantém o pedaço grande geral da página que os objetos ocupam.

151033-layers-panelnew_original.jpg

O redesenhado painel Layers deixa que você mostre, esconda e bloqueie objetos, e altere a ordem dos objetos agrupados dentro de seu grupo

Se você é novo no InDesign, vai gostar do novo painel Tool Hints, que te diz a função básica de cada ferramenta e como mudar seu comportamento usando as teclas modificadoras. Por sua vez, os usuários com experiência vão apreciar o arranjo muito mais lógico de determinados itens do menu.

Também é possível usar o Adobe Bridge, para dar preview em páginas individuais em um documento do InDesign sem precisar abrir o programa. No entanto, você só consegue ver previews além das duas primeiras páginas se tiver feito duas coisas: alterado a preferência de configuração File Handling no InDesign para salvar esses previews, e ter salvado o documento no InDesign CS5 – não funciona com versões anteriores do software. O Bridge também coleta e mostra de maneira rápida os gráficos e outros arquivos de mídia que estiverem em um documento, com apenas um clique no botão direito do mouse.

O Bridge consegue criar PDFs com marcas da água e renomear arquivos em grupos. E você não precisa nem fechar o InDesign CS5 para acessá-lo – é possível utilizar o novo painel Mini Bridge. E falando em documentos PDF, outro novo recurso que economiza tempo é a habilidade de continuar a trabalhar em um documento enquanto o PDF é gerado.

Desenvolvimentos para editoração de texto e layout de página
Atendendo a pedidos antigos de usuários, os parágrafos agora podem se estender sobre várias colunas em uma estrutura de texto, algo que economiza muito tempo quando você está criando títulos e legendas. Além disso, parágrafos em uma coluna podem ser reformatados, como múltiplas colunas dentro dessa área.

Um novo recurso Balance Columns mantém a extensão de todas as colunas em uma balanceada estrutura de texto multi-coluna – até enquanto você edita o texto. A nova ferramenta Live Captions gera captura estática ou ao vivo para uma imagem usando sua metadata (dados internos), como o nome do fotógrafo e informações de direitos autorais (copyright).

Provavelmente a maior mudança estrutural do InDesign CS5 seja a habilidade de incluir diversos tamanhos de página em um documento, o que facilita muito para manter uma formatação consistente sobre vários itens em um projeto, como cartões de visita, brochuras e anúncios, entre outros.

Também é muito mais fácil adicionar à sua página uma grade de estruturas de imagens ou de textos enfileirados – você simplesmente aperta as setas do teclado para adicionar colunas e linhas enquanto arrasta. E para os designers que não se cansam de ângulos curvos, o novo recurso Live Corner Effects permite que você arraste um ou mais ângulos curvos de uma estrutura para alterar seu raio, em vez de ter que digitar números em um campo no painel Control.

Recursos colaborativos
O InDesign CS5 também consegue manter o registro de adições, revisões  e anulações de texto em um documento (e quem as fez) – é possível aceitar ou rejeitar mudanças usando opções similares a essas em processadores de texto. Esse recurso também se integra com o Adobe InCopy (programa irmão do InDesign para escritores e editores), assim como com o Adobe CS Review, um novo serviço online Adobe CS que permite que você compartilhe documentos para review online dentro do InDesign. Seus colaboradores nem precisam pular para o InDesign – você pode importar e exportar texto para o Adobe Buzzword, uma ferramenta online de processamento de texto no Adobe CS Live.

O novo Document-Installed Fonts é um recurso que economiza muito tempo para qualquer um que compartilhe arquivos. Como nas versões anteriores do InDesign, ao acondicionar um documento, você tem a opção de incluir uma cópia das fontes do documento em uma pasta Document Fonts; no entanto, no CS5, quando esse documento é aberto em outro computador, o InDesign ativa todas as fontes de plataforma cruzada na pasta Document Fonts (para uso apenas nesse documento).

Uma vez que você fecha o documento, as fontes são desativadas. Apesar desse recurso funcionar com fontes OpenType e Windows TrueType, talvez não funcione com fontes do Mac OS no Windows, ou fontes PostScript sobre plataformas. Você vai querer testar para ver se as suas fontes específicas funcionam com essa ferramenta.

Conselho de compra Macworld
Se você é um publicador de materiais impressos que está finalmente se lançando aos documentos interativos e eletrônicos, o InDesign CS5 é item obrigatório. As novas ferramentas para adicionar interatividade em Flash, vídeo e áudio, além de sua integração suave com o Flash Professional, dão aos designers um controle sem precedente sobre uma variedade de opções e formatos de publicação. Mas mesmo que seu trabalho seja focado em produzir apenas documentos impressos, os novos desenvolvimentos de produtividade do CS5 irão economizar toneladas de tempo do seu fluxo de trabalho diário.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site