Imagem de fundo do header
Jolicloud coloca seu netbook “na nuvem”
Home  >  Review
REVIEW

Jolicloud coloca seu netbook “na nuvem”

Sistema operacional gratuito integra aplicativos web e nativos em uma única interface, com recursos de rede social e sincronia automática entre múltiplos computadores.

Rafael Rigues, PCWorld Brasil

Foto:

À medida em que o conceito de Cloud Computing avança, fica cada vez mais plausível a idéia de que um dia iremos “viver” nosso dia-a-dia digital completamente na web. Afinal, a maioria dos aplicativos mais comuns, de editores de texto a editores de imagem, passando por planilhas, clientes de e-mail e redes sociais, já possui pelo menos um equivalente “web 2.0” que não deixa nada a desejar em termos de recursos quando comparados aos programas desktop, com a versatilidade extra de poderem ser acessados de qualquer lugar.

Mas ao mesmo tempo há aplicativos “tradicionais” que não queremos, ou não podemos, abandonar. Assim, é comum adotar o melhor dos dois mundos: alguns aplicativos online aqui, outros offline ali e vamos levando a vida. Mas a distinção entre o que é offline e o que é online, bem como a diferença entre os ambientes nos quais ambos são executados (desktop vs navegador web) prejudica a produtividade e impede a verdadeira integração. Não seria melhor um ambiente que tratasse todos os aplicativos da mesma forma, não importa sua natureza? Essa é a proposta do Jolicloud.

O Jolicloud é um sistema operacional Linux otimizado para netbooks e baseado no Ubuntu, mas que tem brilho e personalidade próprios. Gratuito, ele pode ser instalado em seu netbook (como único sistema ou lado a lado com o Windows) em questão de minutos, e integra em um único desktop tanto seus aplicativos locais (como o Google Chrome) quanto os aplicativos na “nuvem” (como o GMail) e os trata de forma idêntica, sem distinção.

A tela inicial lembra muito o iPhone ou iPad, com espaço para 14 ícones grandes representando os aplicativos instalados. Sem “pastas”, sem documentos espalhados por todo o desktop, sem menu iniciar e sem complicação. Basta clicar em um ícone e o aplicativo abre, em tela cheia, pronto para usar.

jolicloud_desktop-360px.jpg

Na tela inicial, aplicativos web e locais convivem sem distinção

Um catálogo de aplicativos (representado pelo botão +ADD em verde na tela principal) permite descobrir e adicionar novos programas facilmente. Eles estão divididos em categorias, e também podem ser encontrados usando o campo de busca no topo da tela. Digite “Word Processor”, por exemplo, e o Jolicloud sugere o OpenOffice Writer (um aplicativo tradicional) e o Zoho Writer (um aplicativo web).

Basta um clique no botão Add em frente ao nome do programa para instalá-lo. Todo o processo é feito automaticamente, em segundo plano, e quando estiver completo um ícone para o novo programa aparece na tela inicial. Atualizações de sistema são feitas da mesma forma: um breve aviso em um balão indica que há uma atualização disponível. Basta um clique para iniciá-la e todo o resto acontece sozinho.

Também há um aspecto social: você pode “seguir” outros usuários do Jolicloud e ser seguido por eles, embora não seja possível trocar mensagens. Ao instalar um aplicativo uma “etiqueta” com um número ao lado do ícone indica quantos usuários gostaram dele, então fica fácil escolher entre aplicativos semelhantes pela popularidade. 

jolicloud_apps-360px.jpg

Catálogo leva em consideração a popularidade de cada aplicativo

Outro aspecto interessante é que seu desktop é refletido em um serviço na web, o my.jolicloud.com. Se o usuário fizer login neste site com seu usuário e senha definidos durante a instalação do Jolicloud verá uma cópia exata, na web, do desktop de seu netbook. Ela também funciona de forma idêntica, sendo possível “instalar” aplicativos na interface web (neste caso apenas aplicativos web, os tradicionais ficam desabilitados) e vê-los instalados no netbook mais tarde.

Da mesma forma, se você já tiver o Jolicloud instalado em um netbook e instalar o sistema em outra máquina, assim que fizer o login verá seu desktop original “clonado” no novo micro, com todos os aplicativos intactos. Infelizmente a sincronia de aplicativos e desktops não se aplica aos seus arquivos pessoais como imagens e músicas: embora o Jolicloud tenha em seu gerenciador de arquivos atalhos para serviços online como o Box.net e o Dropbox, não há cópia automática de arquivos entre seu computador e o disco virtual. Uma pena.

O suporte a hardware é fantástico: os desenvolvedores alegam compatibilidade com todos os netbooks atualmente no mercado. Embora seja impossível para nós testar esta afirmação na prática, o sistema rodou muito bem em três máquinas diferentes: um ASUS EeePC 701 (o primeiro netbook no mercado), um Dell Mini 9 e um HP Mini 210.

jolicloud_info-360px.jpg

Aspecto social: é possível seguir, e ser seguido, por outros usuários

Em todos os casos todo o hardware, inclusive interfaces Wi-Fi e modems 3G, foi reconhecido automaticamente, e não tivemos problemas para colocar os portáteis para “dormir” e acordá-los para retomar o trabalho mais tarde, exatamente do ponto onde paramos. Em um netbook HP Mini 210 o tempo de boot foi de apenas 18 segundos, do início da carga do sistema operacional até a tela de login, o que consideramos muito bom.

Se você procura um sistema operacional mais leve para seu notebook ou se quer explorar mais as possibilidades dos aplicativos Web 2.0, o Jolicloud é uma ótima opção. Pode não ser a melhor solução para todo mundo, mas dá um gostinho do que o futuro, com sistemas como o Google Chrome OS, nos reserva.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site