Imagem de fundo do header
Não gostou do Opera Mini para iPhone? Conheça o Atomic Web Browser
Home  >  Review
REVIEW

Não gostou do Opera Mini para iPhone? Conheça o Atomic Web Browser

O aplicativo, que tem versões paga e gratuita, é tão rápido quanto o Safari e traz vários recursos poderosos, como navegação em tela cheia e abas, no estilo desktop

William Marchiori, para a Macworld Brasil

atomic.jpg
Foto:

Poucos dias após seu lançamento, o Opera Mini já é líder na App Store. Em um teste, Macworld Brasil constatou que ele é muito mais rápido do que o Safari, mas perde no quesito experiência de navegação e, por isso, muitos usuários não vão querer substituir o navegador padrão do iPhone ou iPod touch.

Pensando nisso, decidimos procurar um aplicativo a altura do tradicional Safari e encontramos um candidato. É o Atomic Web Browser. A alternativa custa 0,99  dólar, mas tem uma versão gratuita (e mais limitada). Ele oferece uma série de recursos, entre eles dois que fazem muita diferença: navegação em tela cheia e recurso de abas reais.

A velocidade ao carregar as páginas é um aspecto irrelevante neste caso, já que o Atomic tem, em média, a mesma velocidade do Safari. Ele também tem os mesmos recursos de zoom e os sites são exibidos exatamente da mesma forma como aparecem no Safari, o que leva a crer que o motor de renderização seja o mesmo, diferente do Opera Mini.

Interface limpa com abas no estilo desktop
Basta fuçar por cinco minutos no aplicativo para perceber que ele tem uma grande variedade de opções, que vão de uma simples personalização de cor a controles de ações por meio de gestos com dois dedos.

A primeira coisa que notamos são as abas, que funcionam exatamente como o modelo proposto pela versão para PCs do Mozilla Firefox. As abas mostram o nome da página e um ”X” para fechá-las e um “+” para abrir uma nova aba. A ideia é muito mais interessante do que a do Safari, que abre um menu para escolher as abas, já que agiliza a navegação, permitindo aos usuários trocar suas páginas mais rapidamente.

atomic_geral.jpg
Atomic Web Browser para iPhone: abas e tela cheia

Em cima das abas, um ícone de estrela leva os usuários ao menu de histórico, favoritos e páginas salvas, outro recurso interessante.

A barra de endereços e o campo de busca continuam na parte superior, mas são mais trabalhadas. A lista de sugestões de sites visitados previamente também mostra o ícone e a URL do site. Já o campo de busca oferece uma opção para pesquisar um termo na página atual ou em uma lista de provedores, que podem ser escolhidos no ato.

Já a barra inferior se parece com a do Safari e traz ícones para voltar, avançar, mostrar ou esconder a barra de abas, dois menus com algumas funcionalidades e o modo tela cheia.

O primeiro menu, em forma de “+”, oferece recursos para marcar a página como inicial, adicionar favorito, abrir no Safari, compartilhar via Facebook, Twitter ou e-mail, salvar a página para visualização offline e até mesmo visualizar o código fonte.

atomic_configs2.jpg
Os dois menus da barra inferior oferecem várias funções úteis

Já o segundo oferece recursos para navegação em modo privado, travar a rotação da tela e aumentar, diminuir ou salvar o tamanho da fonte utilizada na página. O menu também leva o usuário à página de configurações, e é aí que a brincadeira começa.

Vários recursos para navegação
Nas configurações, você encontra ajustes para a página inicial, um bloqueador de propagandas de websites e opções avançadas de privacidade e proteção de senhas.

Depois das abas, a segunda grande jogada do aplicativo é a navegação em tela cheia. O site ocupa todo o espaço da tela e, embaixo, até seis botões podem ser exibidos e ter suas funções configuradas de acordo com a vontade do usuário. Também é possível escolher o nível de transparência deles.

atomic_safari.jpg
Tela cheia: campo de visualização maior do que o Safari

A grande vantagem do recurso é quando ele é utilizado no modo paisagem. Sem as barras tradicionais do navegador da Apple e com as abas do Atomic escondidas, a navegação móvel fica ainda melhor.
 

atomic_fullscreen_landscape.jpg
No modo paisagem, o ganho na área de visão é de 34%

Outro destaque é o controle multitoque. O navegador aceita cinco gestos: deslizamento com dois dedos para todas as direções (cima, baixo, esquerda ou direita) e toque com três dedos. É possível escolher ações para cada um deles, como criar ou fechar uma aba, voltar, avançar, recarregar página, etc.

E para quem está cansado de abrir páginas em suas versões móveis, o Atomic apresenta um recurso para “se disfarçar” de navegador desktop. É possível enganar os sites e fazê-los pensar que você está usando a versão desktop do Safari ou Firefox 3, além das versões 6, 7 e 8 do Internet Explorer.

O aplicativo também conta com alguns recursos estéticos: é possível escolher um tema, com várias opções de cores, e decidir se quer que a barra de status do sistema operacional seja ou não exibida.

Assim como o Safari, o Atomic memoriza os sites que estão abertos ao fechar o aplicativo e os carrega novamente na próxima vez que ele for aberto.

Um trunfo para o iPad
Se no iPhone a experiência já é ótima, o Atomic Web Browser traz ao iPad algo muito próximo à navegação que temos nos computadores tradicionais. Com a mesma velocidade e uma série de funcionalidades a mais do que o Safari, ele definitivamente está pronto para ocupar o espaço de navegador padrão do dispositivo.

Com todos os recursos apresentados, o navegador se mostrou ótimo para todos os "iDevices". A única questão a considerar é o investimento: se optar pela versão gratuita, o usuário não terá acesso a vários recursos como os controles multitouch, ajustes de tela inicial e privacidade, mas ainda poderá aproveitar as abas e a navegação em tela cheia.

Lembrando: o aplicativo está disponível na App Store nacional em uma versão gratuita e limitada e na versão completa, por 0,99 dólar.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site