Imagem de fundo do header
Netbooks Microboard empatam com a concorrência em preço e desempenho
Home  >  Review
REVIEW

Netbooks Microboard empatam com a concorrência em preço e desempenho

Modelo E121 é o primeiro netbook nacional a vir com Windows Vista de fábrica. Saiba porque ele foi capaz de rodar o sistema.

René Ribeiro, da PC World

netbook_Microboard_ilustra150.jpg
Foto:

Com o lançamento dos modelos Elite E111 e E121, a fabricante nacional de computadores Microboard marca sua estreia no segmento de netbooks. Disponíveis nas cores branca, rosa ou preta, ambos os equipamentos têm tela de 10,1 polegadas. O Elite E111 (1.499 reais) traz o Windows XP instalado e 1 gigabyte (GB) de memória RAM, enquanto o E121 (1.599 reais) é entregue com 2GB de RAM e Windows Vista Starter.

Feita essa pequena ressalva, nada nestes pequenos portáteis os diferencia substancialmente de outros netbooks à venda no Brasil: processador é o Atom N270 de 1,6GHz; chipset i945 (Intel), com chip gráfico GMA 950 embutido; e disco rígido de 160GB.

Leia também: 
>> Conheça o Itautec W7010
>> IdeaPad S12 é o primeiro netbook com a plataforma Ion
>> De novidade, o Mobo 2060 tem modem 3G embutido
>> Eee PC 1000HE tem ótimo teclado e tela com tecnologia LED

Mesmo as conexões externas são comuns: no lado direito há uma porta USB e o leitor de cartões de memória (MMC, SD e MS), além do conector de energia da fonte de alimentação. À esquerda encontramos outras duas portas USBs, uma saída VGA e o conector para rede Fast Ethernet.

Na parte frontal foram posicionados os conectores para fone de ouvido e microfone e saídas dos alto-falantes embutidos. Os netbooks também possuem conexão para rede Wi-Fi padrão 802.11 b/g e uma webcam de 1,3 megapixel.

netbook_preto_350.jpg

E121: boas dimensões e peso para transportar com conforto

O teclado segue um design clean, sem bordas com relevo e com teclas totalmente planas. Apesar de oferecer teclas mais largas, elas ainda ficam próximas entre si. Nos testes, verificamos que a digitação por longos períodos não é confortável. Mas esse não é um privilégio da Microboard e sim o calcanhar de Aquiles da maior parte dos netbooks que avaliamos recentemente.

O equipamento sozinho pesa 1,3 quilo (na média para netbooks com tela de 10,1 polegadas) e não exibe saliências como as verificadas em outros modelos de netbook que têm a parte de trás mais alta por causa da bateria. O resultado é um produto uniforme que, fechado, lembra um caderno, mais anatômico para ser carregado.

netbook_rosa_350.jpg

O modelo também está disponível nas cores branca ou rosa

Desempenho
Apesar do pesado Windows Vista, o E121 mostrou que dá conta do recado. Abrimos o Word, Excel e PowerPoint (o número máximo de aplicações que a versão Starter permite que estejam em execução simultaneamente) nos quais carregamos cinco documentos em cada aplicação. Alternar entre as tarefas foi trabalho tranquilo para o netbook.

Na avaliação de desempenho com o software de benchmarking Crystal Mark, o E121  atingiu 26.731 pontos, também dentro da média para sua configuração de hardware. Com certeza, os 2 GB de RAM ajudaram o Vista gerenciar as aplicações com mais folga.

Para o teste de autonomia da bateria, desligamos proteção de tela e o desligamento automático do HD. Acessamos internet sem fio e usamos o E121 para digitar texto e fazer planilhas de cálculo. Em tais condições, a bateria durou duas horas, pouco para um equipamento cuja principal finalidade é a mobilidade e não o alto desempenho.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site