Imagem de fundo do header
Novato, o Webroot Essentials tem falhas e fraca detecção de malwares
Home  >  Review
REVIEW

Novato, o Webroot Essentials tem falhas e fraca detecção de malwares

A primeira ferramenta integrada da Webroot precisa de alguns ajustes antes de se tornar uma opção a se considerar.

Erik Larkin, PC World / EUA

Webroot_logo_150.jpg
Foto:

webroot_150.jpgA suíte Internet Security Essentials, da Webroot  marca a primeira investida da empresa de antispyware na área de suítes de segurança. Este pacote traz um scanner antivírus da Sophos, um firewall da Privacyware e um backup online utilizando os próprios servidores da Webroot.

Ainda assim, faltam recursos: ele não tem controle dos pais, nem antispam ou função  antiphishing para o browser, e seu fraco desempenho na crucial tarefa de identificar softwares maliciosos jogam contra a Webroot. E o pior: seu preço (59.95 dólares para 3 licenças, ou 138,81 reais, convertido pelo câmbio de R$ 2,3154 de 30/01/09) é o terceiro mais alto dentre as nove soluções avaliadas.

Em nossos testes com nove pacotes de segurança pagos (como Norton, Panda, McAfee e Kaspersky), apenas uma suíte (o pacote da Trend Micro) teve um pior desempenho nesta categoria, deixando a Webroot em penúltimo lugar. Em resumo: ainda não recomendamos utilizar esta solução integrada.

Leia também: 
> Norton 2009 é a melhor suíte integrada, apesar das falhas
> Panda 2009 tem bons extras, mas peca na detecção de malwares
> McAfee Internet Security 2009 peca ao lidar com malwares
> Desempenho do Kaspersky 2009 não justifica preço tão elevado
> Suíte 2009 da Trend Micro falha no básico: detecção de malwares
> Com boas ferramentas, F-Secure 2009 apresenta detecção menos potente
> BitDefender 2009 oferece boa proteção por um bom preço
> Avira é técnico demais, mas tem a melhor taxa de detecção de malwares

Nos testes de detecção de malware da AV-Test.org, a Webroot identificou apenas 89,56% das amostras de worms, bots e outros perigos ao qual o aplicativo foi exposto. Os maiores desempenhos atingiram 10% a mais que isso.

O software também decepcionou nos testes heurísticos, usados para medir como uma suíte lida com um novo malware, sem assinatura. Nos testes com arquivos com assinaturas de mais de duas semanas, o Webroot ficou novamente em penúltimo lugar, com uma taxa de detecção de 39,8% (para comparação, os melhores resultados ficaram em torno de 55%).

Webroot_tela 1

A suíte teve um melhor desempenho ao identificar e remover rootkits ativos e inativos, uma categoria de malwares discretos; nos testes, o programa perdeu apenas um rootkit ativo. Mas ele ficou para trás ao identificar adwares, o que nos surpreendeu por vir de uma empresa experiente no que diz respeito aos utilitários antispyware. Ele acertou 90,4% desse irritante software, o que não é horrível, mas suficiente para deixá-lo em sétimo lugar nesta categoria.

Outro aspecto que revela despreparo da solução: a maioria dos firewalls das suítes de hoje utilizam uma “lista branca” com os bons e conhecidos softwares, e que automaticamente permite que o aplicativo nessa lista acesse a internet.

O firewall da Webroot utiliza um método antigo: ele se inicia no modo treinamento por sete dias, e após ele irá alertar por qualquer outro novo software que vir. Isso significa que você será incomodado mais vezes após o modo treinamento, do que seria com outra suíte.

A opção de limpeza faz uma faxina no histórico de navegação, cookies, histórico de arquivos do Windows, entre outros históricos. Por isos, verifique antes as configurações da ferramenta de limpeza e desabilite os itens que queira manter antes de executar a ação.

Mas se você é um usuário do Firefox 3, não se preocupe: essa ferramenta ainda não consegue limpar o histórico de navegação do Firefox 3 (embora você possa fazer isso utilizando o próprio browser). A barra de ajuda da Webroot, que a suíte instala automaticamente, também não funciona com o Firefox 3 (mas também não oferece nenhuma proteção adicional).

Webroot_tela 2

A função de backup da Webroot oferece 2GB de armazenamento online gratuitamente, mas não foi possível criar e testar uma conta porque os servidores da Webroot estavam com problemas. Nós também descobrimos que a suíte teve dificuldade em manter o Windows Security Center notificado; duas vezes recebemos falsos alertas sobre a falta de um firewall e por uma atualização do Webroot. Um dos falsos alertas do firewall persistiu até que reiniciássemos a máquina.

Embora a interface do usuário tenha um bom aspecto e seja simples, outros aspectos poderiam ser mais elaborados. Para começar, localizar os logs foi um desafio. E você pode um dia precisar desses logs para aprender o verdadeiro nome dos arquivos e a localização dos itens em quarentena, já que os pop-ups da Webroot não listam nenhum.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site