Imagem de fundo do header
Photoshop CS4: não faltam novos recursos ao editor de imagens
Home  >  Review
REVIEW

Photoshop CS4: não faltam novos recursos ao editor de imagens

Nova versão do editor de imagens teve mudanças sérias no espaço de trabalho, que agora fica bem mais organizado.

Lesa Snider King, Macworld/EUA

logo_photoshop_72.jpg
Foto:

A Adobe fez mudanças sérias no Photoshop CS4, especialmente no espaço de trabalho. Alguns itens, como o novo Application Frame, são um tanto difíceis de se acostumar (mas é um opcional), existem mudanças importantes. Cada nova versão do programa trouxe novas ferramentas, e alguns pedaços estavam perdidos na bagunça.

De fato, você verá diversas “novas” ferramentas no Photoshop CS4 que não são tão novas assim (como as ferramentas Hand e Zoom): elas estão de volta à superfície depois de passar um tempo enterradas.

>>Veja mais telas do Photoshop CS4

Mas também não faltam novos recursos. O Photoshop CS4 aproveita o OpenGL – um mecanismo de hardware e software para mostrar gráficos mais rápido e de forma mais eficiente – para renderizar alguns efeitos de tela bem úteis, como Rotate View, Flick Panning, redimensionamento dinâmico de pincéis, e mais.

O CS4 também usa uma nova tecnologia na ferramenta Content-Aware Scaling que redimensiona suas imagens sem modificar o ponto focal- inclua aqui ainda mecanismos 3D, novos painéis de Masks e Adjustments, edição seletiva no Camera Raw e mais.

O que falta, entretanto, é a compatibilidade com sistemas de 64 bits – isso permitiria ao Photoshop lidar com arquivos maiores de 4 GB. A versão para Windows Vista faz isso, mas não a para Mac – agora, só na CS5.

Novo modo de trabalhar
Sua vida no Photoshop agora existe dentro de um quadro compacto que pode ser movido e redimensionado (e está ativado por padrão). O Application Frame reúne todos as janelas e painéis do Photoshop e os mantém juntos conforme você movimenta os objetos. Redimensionar o quadro redimensiona automaticamente os painéis e janelas para caber no frame (isso é bom se você usa um monitor de 30”). O ponto negativo é que isso trouxe uma mudança radical no visual para os usuários de Mac: o Photoshop tem um jeito de PC na tela.

No topo do quadro está um novo pacote de ferramentas chamado Application Bar, que dá acesso rápido ao novo menu Arrange Documents (fornece visualização de diversos documentos ao mesmo tempo) e ao novo recurso Rotate View – ao usá-lo, pode rotacionar sua tela (não os pixels) para trabalhar com a imagem em um ângulo determinado. A Application Bar também torna outras ferramentas fáceis de encontrar, como aquelas escondidas em menus (Rulers, Guides e Grids, agora no menu Extras), no pé da janela de documento (Zoom Levels) ou abaixo do painel Tools (Hand e Zoom). As configurações pré-definidas do Workspace ficam no topo direito da barra.

01

O novo Application Frame permite ver e trabalhar com diversos documentos ao mesmo tempo.

O recurso Quick Zoom permite aproximar imagens ao usar a ferramenta Zoom pressionando o atalho H (muito útil para trabalhar com detalhes). Se você aproximar para 501% ou mais, verá uma grade de pixels, que permitem retocar imagens com precisão. E novos atalhos de teclado permitem alternar entre edição e uso de ferramentas temporariamente.

02

Use o comando Auto-Blend Layers para criar colagens em segundos.
O Photoshop faz todo o trabalho de criar máscaras automaticamente, visto aqui no painel Layers.

Novos painéis e máscaras
Camadas de ajuste sempre foram a principal escolha para edição não-destrutiva, embora não fosse fácil encontrar seus presets e recursos. Agora, elas têm seu próprio painel. E a Adobe criou novos ajustes “na imagem” para as camadas de ajuste Curves e Hue/Saturation. Em vez de selecionar uma área, você pode aplicar o ajuste direto em uma área tonal específica ao clicar na imagem e arrastar com o mouse. A nova camada Vibrance torna as cores mais fortes, sem alterar o tom de pele – tem mais efeito em cores brilhantes e menos efeito em cores claras, como a pele.

03

Com o novo painel Masks, você pode criar uma nova camada a partir de uma seleção Feather instantaneamente (acima).
Aqui, veja a imagem original com um novo fundo após o céu ser removido com uma camada (embaixo).

O novo painel Masks também torna a criação de máscaras de camada mais fácil e amigável.A Adobe também inseriu botões para as funções Refine Edges e Color Range, para mais modificações nas máscaras.
++++
Escalas
Usando os controles da ferramenta Free Transform, com uma nova tecnologia embaixo de tudo, o Photoshop consegue analisar sua imagem e alterar áreas pouco importantes, como céu ou chão, e deixando as partes “importantes” (como o sorriso do seu filho) intactas.

Conhecido como CAS (ou Content-Aware Scaling), o recurso funciona em camadas de imagens e seleções em modos de cor RGB, CMYK, Lab e Grayscale em todas as profundidades de bit (que se refere ao número de valores de cor que um canal pode conter). Mas funciona direito? Não.

Você perceberá o truque em algumas imagens, o que significa que precisa escolher a foto com parcimônia (nada de fotos 3x4!) e quanto quer modificar de escala na imagem (muito pouco, de preferência). Dá para ajudar a ferramenta um pouco ao proteger o assunto em um canal alpha primeiro. Mesmo assim, essa função tem diversos usos práticos, como encaixar uma imagem em uma área pequena sem cortar, preparar outra quando o formato de saída é diferente do original, e por aí vai.

Ferramentas de cor e pintura

Designers gráficos vão gostar da integração do Kuler, um gerador online de temas de cores extremamente útil. E agora as ferramentas Dodge, Burn e Sponge (sempre consideradas altamente destrutivas para uso direto em imagens) foram modificadas para preservar cores e detalhes, e os pincéis Clone Stamp e Healing mostram um preview em tempo real (dentro do cursor do pincel) da área a ser aplicado o remendo. E qualquer ferramenta de pincel pode ser redimensionada ao pressionar Control-Option-arrastar ou mudar sua intensidade ao arrastar pressionando Control-Option-Command.

Camera Raw 5.0 e novas ferramentas 3D
A novíssima versão do plug-in Camera Raw traz inúmeras melhorias,
como a habilidade de editar usando um pincel Adjustments, aplicar
filtros não-destrutivos de Gradient e criar vinhetas pós-corte.

04

O novo pincel de ajustes no Camera Raw 5.0 permite pintar ajustes seletivos.

O Photoshop CS4 Extended traz novas ferramentas chamadas 3D Rotate e 3D Orbit no painel Tools, além de um novo menu dedicado apenas ao 3D, que inclui os recursos New Mesh from Grayscale, Invert Visible Surfaces e Create UV Overlays. Se você pensa em começar a trabalhar com modelagem 3D, o Photoshop Extended é um bom lugar para começar.

O mais incrível é que os objetos 3D importados, se estiverem já pintados, podem ser inseridos em outras cenas completamente intactos. O programa dá maior controle de texturas e iluminação do objeto.

Se o objeto vier com um arquivo de texturas em separado, pode editá-lo no Photoshop e ver as mudanças atualizadas no modelo quando você o salvar, além de ajustar e adicionar iluminação que melhor se adapte à cena. E, se for corajoso o suficiente, pode pintar diretamente na superfície de um modelo em tempo real. Para novatos, pode ser mágica, mas não é novidade para quem tem mais experiência em 3D. Apesar disso, é bom ver esse tipo de funcionalidade no Photoshop, ainda mais se você não tiver um programa de edição 3D.

05

Para aumentar a intensidade do céu gradualmente, use a ferramenta Graduated Filter
no Camera Raw. O ponto verde representa o início da seleção, e o vermelho, o fim.

A Adobe criou...
Claro que existem dezenas de novos recursos, como a capacidade de apagar camadas ao pressionar uma tecla de atalho para isso, melhoria nos comandos Auto-Align e Auto-Blend para criar panoramas e ampliar a sua percepção de profundidade de cambo ao unir diversas imagens do mesmo objeto com distintos pontos focais. Você ainda encontra suporte a multitoque nos laptops da Apple, perfis de cor para daltônicos, um histograma de seis cores no painel Histogram, compatibilidade com impressão de 16 bits e um novo sistema de ajuda online.

... e tirou
Com boas notícias, chegam as más: para abrir espaço para novos recursos, alguns plug-ins mais antigos foram removidos, como filtro Extract, o Picture Package, Contact Sheets e PDF Presentations. Felizmente, as versões antigas desses plug-ins ainda funcionam (exceto o PDF Presentations) e você pode baixá-las do site da Adobe – ou pegar as que já usava no CS3. A caixa de diálogo PhotoMerge também sumiu, junto com a capacidade de criar um PDF a partir de uma camada dentro do Photoshop (embora dê para fazer isso do Bridge).

Recomendação de compra da Macworld
Todas as mudanças no Photoshop CS4 e Photoshop Extended CS4 trazem uma interface mais amigável e acessível, com ferramentas mais fáceis de usar do que nunca. As mudanças, entretanto, precisam de um tempo de prática para o usuário se acostumar e, no final, você vai gostar delas. Se você é um fotógrafo, as melhorias no Camera Raw já compensam o upgrade e, para os demais profissionais, as novidades e melhorias nas ferramentas existentes tornam mais aprimorada a experiência do Photoshop.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site