Imagem de fundo do header
Pico-projetor da 3M tem tamanho de celular e dispensa conexão ao PC
Home  >  Review
REVIEW

Pico-projetor da 3M tem tamanho de celular e dispensa conexão ao PC

Modelo MPro 150 cabe no bolso, produz imagens de até 50 polegadas e tem aplicativo para ler documentos do Office, fotos e vídeos

René Ribeiro, da PC WORLD

Mpro 150_ilustra_150.jpg
Foto:

A 3M melhorou sua linha de pico-projetores e lançou o Mpro 150. Trata-se de um projetor que pode ser levado no bolso e, além de um notebook ou desktop, também pode ser ligado a um iPhone e iPod (com cabo vendido separadamente).

O Mpro 150 tem 13 centímetros de comprimento, 6 cm de largura e 2,4 cm de espessura. Utiliza tecnologia LED como fonte de luz, e tem luminosidade de 15 lúmens. O modelo anterior, chamado Mpro 120, chegava a 12 lúmens. O LED em questão não é substituível pelo usuário, e segundo a 3M sua vida útil é de 20 mil horas.

Mas a principal melhoria do Mpro 150 é a capacidade para armazenar arquivos. Ele vem com 1 GB de memória interna e possui slot para um cartões microSD. O produto ainda vem com um cartão de 2 GB. Além de armazenar arquivos, o Mpro 150 vem com software para ler documentos nos formatos do Microsoft Office (DOC, PPT, XLS e PPS), texto puro (.TXT) e PDF.

mpro-150_350.jpg

mpro-150_namao_350.jpg

Pico-projetor MPro 150: Memória e aplicativos internos dispensam uso do PC

Mas o MPro 150 não se restringe apenas aos documentos. Esse pico-projetor ainda exibe imagens (JPG, GIF e BMP), vídeos (AVI, MOV, MP4 3GP e 3GP2) e reproduz áudio (MP3, AMP, AWB e WAV).

Testes
A primeira coisa que fizemos foi verificar a facilidade de uso. Sem conectar o aparelho a um computador, inserimos um cartão micro SD com apresentações em PowerPoint, planilhas, textos (DOC) e documentos PDF. Escolhemos o aplicativo para ler apresentações e logo foram exibidos os arquivos em PPT do cartão e o arquivo exemplo que está armazenado na memória interna. Os documentos do Word, Excel e PDF também foram lidos corretamente.

mpro-150_tripe_350.jpg

O Mpro 150 tem também quatro níveis de zoom, o que foi muito útil para ler com clareza as planinhas grandes e documentos PDFs que continham letras pequenas.

Leia também:
>> MPro110 é um projetor portátil que dá para carregar no bolso
>> Projetor MPro120, da 3M, pesa apenas 154 gramas
>> Projetor M109S, da Dell, é perfeito para quem exige mobilidade

Apesar da luminosidade do Mpro150 ter melhorado em relação ao modelo anterior, ainda assim é necessário uma sala bem escura para exibir uma tela de 50 polegadas (diagonal) com nitidez. O resultado é muito bom no contraste, mas ainda sente-se a falta de brilho na exibição de filmes.

Obtém-se melhor resultado com tamanhos de 40 polegadas, e para ajustar o tamanho basta afastar ou aproximar o projetor da parede. O projetor aceita resoluções de 640 x 480 (VGA) até 1280 x 768.

tela_mpro150a.jpg

Menu do MPro 150: acesso fácil a arquivos do Office, PDF, vídeos e fotos

A aplicação para exibir imagens é interessante, pois possui slide show com efeitos de transição e é possível inserir uma música de fundo. O tempo de transição entre as fotos é ajustado facilmente pelo menu. O sistema de amplificação de som do Mpro 150 melhorou bastante: apesar dos alto-falantes terem a potência de 0,5 watt, o som obtido foi bastante nítido.

 mpro-150_350_comp.jpg

Projetor MPro e acessórios que acompanham o produto

A bateria tem capacidade de 2200 mAh, 3,7 volts e 8,1 Wh. É um pouco maior do que a de um smartphone. Em nosso teste deixamos um álbum de fotos sendo exibido continuamente, com brilho máximo e a autonomia foi de uma hora e 52 minutos.

Mas se for necessário fazer apresentações com mais tempo do que isso, o Mpro 150 acompanha carregador e pode ser utilizado na tomada sem restrições. Outro ponto interessante é o cabo RCA. Com ele é possível conectar ao projetor qualquer dispositivo que tenha saída RCA (o popular "cabo de áudio e vídeo" com plugues branco, vermelho e amarelo). Com cabos opcionais, é possível conectar câmeras fotográficas e filmadoras também.

O MPro 150 é ideal para quem viaja muito fazendo apresentações, mas serve apenas para salas pequenas. Em auditórios, a luminosidade do MPro 150 não é suficiente. O recurso para exibir fotos com música de fundo é interessante. Quanto a exibição de vídeos, o ideal é se restringir aos vídeos curtos, para ilustrar alguma apresentação. Vídeos longos tornam-se cansativos devido à baixa luminosidade.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site