Imagem de fundo do header
Sony Cyber-shot DSC-WX1 se sai bem com pouca luz
Home  >  Review
REVIEW

Sony Cyber-shot DSC-WX1 se sai bem com pouca luz

Câmera é uma ótima opção para os adeptos da fotografia noturna

Tim Moynihan

Foto:

Com sensor de 10 megapixel e zoom óptico de 5x (24mm a 120mm), a Sony Cyber-shot DSC-WX1 (R$ 1.999) é uma das primeiras câmeras de bolso da Sony equipadas com o novo sensor Exmor-R, otimizado para condições de pouca luz. Este é um dos principais destaques desta câmera bastante compacta, que se supera nos momentos de escuridão graças aos seus modos de cena únicos.

Em vez de forçar o sensor a aumentar o ISO para tirar uma foto bem exposta em situações de pouca luz sem flash, o modo "Handheld Twilight" (algo como "Pôr do Sol à mão") captura seis imagens com diferentes ajustes de exposição em rápida sequência, e sobrepõe as imagens para criar uma foto mais nítida do que as produzidas por outras câmeras compactas em situações similares. O modo Handheld Twilight funciona melhor em momentos de escuridão absoluta: o sensor é tão sensível à luz que qualquer exposição a uma fonte em um ambiente escuro pode deixar estas áreas iluminadas "estouradas" e com pouca nitidez.

Por exemplo, na primeira foto abaixo, a luz vinda da fonte é suave o suficiente para criar uma imagem bastante nítida. Mas na segunda foto, o neon e a lua são brilhantes o suficiente para criar uma "bolha" de luz ao seu redor.

Review Sony WX1 - Imagem 1
Com pouca luz, fonte ficou bem nítida

Review Sony WX1 - Imagem 2

Brilho excessivo "estourou" o neon e a Lua

Além do modo Handheld Twilight, a WX1 tem uma opção "avançada" em seu modo de detecção de cena que permite tirar duas fotos pressionando o botão uma única vez: uma com flash, e a outra sem. As duas imagens são mostradas lado-a-lado, permitindo ao usuário escolher qual parece melhor. Isto elimina um pouco do "chute" na hora de tirar fotos em pouca luz.

A WX1 também tem o excelente modo "Sweep Panorama" encontrado em outras câmeras novas da Sony. Este modo permite que você aperte o botão uma vez, mova a câmera de um lado para o outro e instantâneamente crie imagens panorâmicas com muito pouco esforço. Funciona melhor em cenas estáticas, já que qualquer objeto em movimento na cena vai aparecer "esticado" sobre boa parte da imagem.

Nos testes de imagem no laboratório da PCWorld, a Cyber-shot DSC-WX1 superou significativamente modelos compactos anteriores da Sony no quesito qualidade. Nosso painel julgador classificou a precisão de cor e qualidade de imagem como um todo como excelentes nas fotos de teste feitas com a WX1, embora elas tenham mostrado um pouquinho de distorção e falta de nitidez. Apesar disto, no geral classificamos a imagem como "Superior" quando comparada com outros modelos de câmeras compactas.

A autonomia de bateria também é boa: a câmera tirou 394 fotos com uma única carga. Bom o suficiente para atingir a marca de "Muito Boa" neste quesito.

Esta Cyber-shot é uma câmera extremamente compacta, pouco menor que um baralho, e esguia o suficiente para caber num bolso de camisa sem problemas. Embora o botão do obturador seja grande e confortável de usar, quem tem mãos grandes pode ter problemas com o seletor de modos de cena, botões na traseira e controle de zoom.

Cyber-Shot WX1 - 300px

Cyber-shot DSC-WX1 é bastante compacta

Um pequeno botão próximo ao obturador coloca a câmera no modo "burst", onde ela pode tirar 10 fotos por segundo. O seletor na traseira permite acesso rápido a modos e cena como Handheld Twilight, Sweep Panorama, Detecção Automática de Cena, Programa, Fácil, Anti-Borrão e Vídeo (a WX1 grana vídeo em 720p a 30 quadros por segundo).

A tela de 2.7 polegadas, que é o único visor disponível, é brilhante e nítida. Na verdade pode ser nítida demais: embora a qualidade de imagem da câmera seja muito boa, as fotos parecem melhores no LCD do que na tela do computador. Isto é especialmente evidente nas fotos tiradas com o modo Handheld Twilight, onde detalhes muito iluminados parecem menos nítidos do que as imagens exibidas pela própria câmera.

Como muitos produtos da Sony, a WX1 tem algus probleminhas proprietários que devem ser considerados antes da compra: é uma das últimas câmeras da Sony que só aceita cartões no formato Memory Stick, e o cabo USB usado para a conexão com o computador tem um conector proprietário no lado da câmera.

Por R$ 1.999, a WX1 é um cara para uma câmera sem obturador manual ou controle de abertura. Entretanto, pelo preço você leva uma câmera muito compacta e elegante que tira excelentes fotos em pouca luz, grava vídeo em alta definição e tem modos de câmera únicos que a tornam uma ótima câmera para uso geral.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site