Imagem de fundo do header
SMX C200 oferece vários recursos para gravação em corpo portátil
Home  >  Review
REVIEW

SMX C200 oferece vários recursos para gravação em corpo portátil

Simples e com zoom digital de 10x, filmadora da Samsung é uma boa escolha para quem não está interessado em alta definição.

William Marchiori, da PC World

SMX_C200_Roxa-300px.jpg
Foto:

No meio do mundo da alta definição (HD ou Full HD) e das resoluções
monstruosas, a Samsung resolveu deixar de lado a obsessão por qualidade e
pixels perfeitos para se dedicar aos usuários básicos com sua nova SMX
C200.

Medindo 5,5 x 3,2 x 11 centímetros e com peso de 145 gramas, a SMX
C200 é uma filmadora bem compacta, estilo tradicional, com display LCD
de 2,7 polegadas que pode ser girado.

O design, é ergonométrico, ou seja, a lente é inclinada para cima, de
forma que, ao segurar com a mão, o usuário não precisa inclinar o punho
para obter um bom enquadramento. A ideia é interessante, mas é apenas
um detalhe para quem já está acostumado com filmagens. O problema disso é
que, ao apoiar a câmera em uma superfície plana, o enquadramento fica
para cima e é preciso improvisar um suporte ou utilizar um tripé com
cabeça ajustável.

 

Samsung C200 Roxa - 300px

O design ergonômico, com a lente olhando "pra cima", é característica marcante da C200

Voltada ao público amador, essa filmadora capta imagens em widescreen
com resolução máxima de 720x480 (480p, a mesma de um DVD) e 60 quadros por segundo. Essa
qualidade não é ruim, e vídeos gravados nesse modo podem ser visualizados em TVs
tradicionais sem problema ou em TVs de alta definição com um pouco de
perda de qualidade.

O armazenamento é feito em cartões SD - o produto acompanha um cartão
de 4GB, mas suporta modelos de até 32GB de capacidade. Em termos de
bateria, conseguimos gravar cerca de uma hroa de vídeo em 480p sem ter
que recarregar a bateria.

As conexões incluem apenas saída de vídeo AV, micro USB para
transferência de arquivos e entrada de cabo de força. Como as gravações
não são em alta definição, uma saída HDMI não faz falta, mas uma entrada
para um microfone externo seria interessante.

O que a destaca entre as outras câmeras portáteis é que ela tem zoom
óptico de 10X, acompanhado por um zoom digital de 1200X. Em nossos
testes, ela conseguiu focar perfeitamente objetos a distância em questão
de segundos.

Ela também faz fotos com resolução de 1,9 megapixel, mas, bem como
outras filmadoras portáteis, as imagens saem com qualidade baixa,
granuladas e embaçadas.

Mil e um recursos
A SMX C200 dá um show em termos de opções para gravação, deixando
muitas filmadoras Full HD do mercado para trás neste quesito. Entre elas estão modos de cena (ambiente aberto, fechado, macro,
etc), resolução de vídeo, aspecto (4:3 ou 16:9), ajuste de exposição,
foco automático, manual ou por meio de detecção de faces, efeitos
digitais e fader.

 Samsung C200 Lado - 300px

Na lateral, controles para aceso a funções como reprodução e upload de vídeo

 Há também o botão Smart Auto - que ajusta as configurações de imagem
automaticamente. Mas quem rouba a cena é o Time Lapse REC, recurso que
grava um quadro a cada intervalo pré-determinado pelo usuário. Você
pode, por exemplo, colocar a filmadora na janela do seu apartamento e
programá-la para capturar um quadro a cada meia hora. No fim do dia, o
resultado é um vídeo que resume horas em poucos segundos.

Qualidade de imagem
Filmagens em ambientes fechados e com pouca iluminação ficam razoáveis, mas sofrem de perda de cores. Sob a luz do sol, em locais abertos, não há o que reclamar: as imagens são vivas, nítidas e bem coloridas.

Já em ambientes escuros ou durante a noite, o grande pesadelo das pequenas filmadoras, a SMX C200 até que se saiu bem: considerando o seu tamanho, a imagem ficou boa. O único problema é que o foco automático pode levar algum tempo para se adaptar, mas ela permite ajustar o foco manualmente por meio dos botões de navegação na tela LCD.

Veja abaixo exemplos de clipes amadores capturados com o produto:




Instale o Flash Player para assistir a este vídeo


Direto para o Tubo
Uma das funções mais atraentes (e que já está cada vez mais comum
entre as filmadoras de bolso) é o botão para fazer o envio direto para o
YouTube. A SMX C200 precisa estar conectada a um PC ou um Mac com o
software IntelliStudio.

Depois, é só marcar os vídeos na própria câmera e pressionar o botão
One Touch Sharing, logar no software e o envio é feito automaticamente.
Também é possível editar dados do vídeo como descrição, categoria e tags
no próprio IntelliStudio.

O interessante é que o usuário não precisa nem instalar o software.
Ao plugar o dispositivo no computador, um drive virtual é
adicionado e o programa roda de dentro da própria câmera. Há recursos como
navegador de arquivos e um editor básico de vídeos, similar ao Movie
Maker.

Conclusão
A SMX C200 é uma ótima filmadora para amadores que desejam fazer
filmagens casuais de modo simples e com uma série de ajustes. Ela se dá
bem como uma boa substituta para uma Flip, especialmente pelo seu zoom
digital. Mas, se você está interessado em alta definição, ela definitvamente não é a escolha certa.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site