Imagem de fundo do header
Vaio VGN-FW160E é uma central portátil multimídia com tela de 16.4”
Home  >  Review
REVIEW

Vaio VGN-FW160E é uma central portátil multimídia com tela de 16.4”

Portátil da Sony vem com leitor de Blu-ray, 3 GB de memória RAM, disco rígido de 250 GB e custa quase 6 mil reais.

René Ribeiro, analista de testes da PC WORLD

vaio_vgn_fw160E_150.jpg
Foto:

Entretenimento. Esta é a palavra de ordem da Sony com a linha de notebooks Vaio FW. São três novos modelos. Avaliamos o VGN-FW160E, equipamento com configuração de ponta: tela de 16,4 polegadas, processador Intel Centrino 2 (modelo P8400, de 2,26 GHz), memória de 3 GB, HD de 250 GB e drive de Blu-ray.

Sua tela trabalha com resolução de 1600 por 900 pontos, na escala de 16:9. Isso significa que ao exibir um filme, a tela não apresenta faixas pretas em cima e embaixo. Apesar do chipset atual, o GM45 da Intel, que poderia ser utilizado para a parte gráfica, o FW160E inclui uma GPU mais poderosa, a ATI Radeon HD 3470.

O equipamento inclui o software Vaio MusicBox, programa que seleciona as músicas de acordo com o humor do usuário. Por meio de uma análise de 12 tons, é possível classificar cada canção em canais temáticos, como músicas românticas, para festas ou para fazer exercícios, entre outras.

Depois, basta o usuário indicar o seu humor que o software busca e faz a seleção das músicas de acordo com a escolha de temperamento que o usuário inseriu naquele momento do dia. E olha que a análise funciona mesmo...

Na parte frontal do equipamento estão a chave para ligar e desligar o Wi-Fi, leitor de cartões e conectores para microfone e fone de ouvido. Na lateral direita ficam alinhadas três USB 2.0. Do outro lado há uma FireWire, uma VGA, uma saída HDMI, conector do modem telefônico e conector para rede Ethernet.

Entre o teclado e o display estão botões de ajuste de volume e controle de player de multimídia. Acima do display, ele traz uma câmera de 1,3 megapixels. O sistema operacional é o Windows Vista Home Premium. E o VGN-FW160E tem interfaces de rede seguem padrão Gigabit e 802.11g/n para rede sem fio, além de Bluetooth 2.0.

Desempenho
Para avaliar o equipamento, utilizamos os softwares de benchmarking PCMark05 (atingiu 5349 pontos) e o PCMark Vantage (3.479 pontos). O 3DMark06, usado mais para gráficos, atingiu 2576 pontos. De maneira geral, atingiu uma pontuação muito boa, tratando-se de um portátil.

Na prática, a multitarefa foi atividade fácil para o FW160. Abrimos o Photoshop CS3, processador de textos, planilha de cálculo e navegador de internet. Enquanto navegávamos nas páginas da internet, mantivemos o Photoshop CS3 inserindo filtros em um lote de 30 fotos com resolução de 8 megapixels. Alternamos entre as aplicações com tranqüilidade, como se houvesse apenas um software aberto.

vaio_vgn_fw160E_350.jpg

Vaio VGN-FW160E: software MusicBox seleciona músicas
de acordo com o humor do usuário

A qualidade gráfica impressionou ao rodar jogos atuais, como Assassin`s Creed, que obteve 32 frames por segundo na configuração máxima. Ao assistir um filme no formato Blu-ray, a qualidade também foi ótima; e não houve nenhuma daquelas paradas relativas ao acesso da cabeça de leitura ao disco.

O som estéreo obteve boa qualidade, apesar de o volume não ser alto ao ponto de passar uma experiência mais realista. Pelo tamanho da tela, já se vê que não é um notebook para mobilidade: pesa 3,1 quilos.

No quesito autonomia, com a bateria padrão, ele sobreviveu por duas horas e 11 minutos acessando internet sem fio e com brilho do monitor ajustado pela metade. Não é um tempo desejável, mas como a tela é grande e o LCD é o maior vilão do consumo de energia de um laptop, já era esperado que não passasse muito disso.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail
Vai um cookie?

A PCWorld usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site