Home > Notícias

Rio de Janeiro cobrará multa por trotes na conta telefônica

Ligações falsas chegam a responder por 30% do total de chamadas para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) no Estado.

Redação do IDG Now!*

21/07/2010 às 17h42

Foto:

Ligações de trote para os serviços de atendimento de emergências no Rio de Janeiro agora serão punidas com multa, cobrada diretamente na fatura telefônica. É o que prevê a Lei 5.784/10, de autoria do deputado estadual Flávio Bolsonaro (PP).

De acordo com representantes dos principais serviços públicos de emergência, sobretudo os que envolvem remoções, resgates e combate a incêndios ou ocorrências policiais, a lei deve evitar que os trotes causem mais prejuízos.

De acordo com o diretor do Centro de Operações do Corpo de Bombeiros, coronel Carlos Bonfim, 15% das ligações que a instituição recebe no número 193 são trotes. Já no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), esse número chega a 30%. A Polícia Militar do Rio de Janeiro disse que o serviço de atendimento 190 recebe 4 mil ligações falsas por dia, o equivalente a 18% do total.

A nova norma estabelece que os órgãos públicos que oferecem esses atendimentos divulguem tabela de custos de todas as etapas, desde o atendimento até o deslocamento das equipes. 

* Com informações da Agência Brasil

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail