Home > Notícias

Rival: tablets Surface Pro custarão quase o dobro do iPad

Com preços a partir de US$900, tablets voltados para empresas da Microsoft permitirão que parceira pratiquem valores menores.

Matt Hamblen, Computerworld/EUA

30/11/2012 às 0h35

Foto:

A Microsoft  definiu na quinta-feira (29) os valores de seu tablet Surface Pro de 10,6 polegadas, com um preço inicial de 900 dólares para a versão de 64GB e de 1000 dólares para a de 128GB.

O tablet, formalmente chamado de Surface com Windows Pro 8, será lançado em janeiro. As pré-encomendas não estavam disponíveis no blog anunciando o preço, que foi publicado por Panos Panay, gerente geral do Surface na Microsoft. Nenhuma versão virá com a Touch Cover ou a Type Cover, o que acrescentaria pelo menos 120 dólares ao custo total.

Dois analistas disseram que a Microsoft deve ter definido o preço alto para permitir que seus parceiros produzindo tablets Windows 8 cobrem menos. A companhia de Redmond está preocupada com a manutenção de um bom relacionamento com seus parceiros, que devem comprar licenças do Windows 8 da MS e, em seguida, produzir os tablets. 

Veja também: Recursos legais do Surface RT

Comparados aos tablets com foco no consumidor, os preços do Surface estão pelo menos 400 dólares maiores. O iPad começa em 500 dólares, enquanto alguns custam menos de 200. "Os preços do Surface Pro deixam espaço para fabricantes de dispositivos baixarem seus preços, sem comprometer muito as margens", disse Carolina Milanesi, analista do Gartner. "Este é um jogo da empresa, e não do consumidor, pelo menos por agora."

Jack Gold, analista da J. Gold Associates, disse que os clientes corporativos são "menos sensíveis aos preços" e também previu que os produtos competitivos de outros fornecedores irão minar o preço do Surface Pro "em um futuro não muito distante." Ainda assim, Gold acrescentou: "O preço está alto? Sim!".

O Surface Pro executa um processador Intel Core i5, enquanto o Surface para Windows RT e outros tablets que executam o sistema são baseados em chips ARM. Panay chamou a atenção para a entrada de  caneta do Surface Pro, o que ele chamou de "uma característica incrível para todos vocês anotadores ou editores de documentos por aí”. O dispositivo premium também possui uma porta USB 3.0.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail