Home > Notícias

Ruckus patenteia técnica para executar vídeos sobre protocolo Wi-Fi

Metodologia torna mais fluida a transmissão em tempo real para vários pontos da rede; outras empresas usam sistemas semelhantes.

IDG News Service

07/12/2009 às 16h00

wifi-patente-150.jpg
Foto:

wifi-patente-150.jpgA empresa norte-americana Ruckus, que desenvolve software e hardware direcionados para redes Wi-Fi, patenteou uma técnica para melhorar muito a transmissão de vídeo em redes sem fio.

Analistas dizem que outros fabricantes utilizam técnicas similares. Entretanto, o diretor da Ruckus, Seamus Hennessy, diz que “o objetivo é construir um forte portfolio de patentes para que possamos proteger nossa empresa”.

A técnica desenvolvida pela empresa envolve a mudança de um protocolo de transmissão já existente.  Em 2004, quando a Rockus tentava desenvolver um produto Wi-Fi que facilitava o acesso a sinal de TV de alta definição, esbarrou em um problema: os portadores de multicast utilizados para o IPTV (Internet Protocol TV) não eram adequados para redes 802.11, como são mais conhecidas as redes Wi-Fi.

Multicast IP é um mecanismo que envia um pacote para vários pontos; neste caso, para as TVs ou PCs. Em redes sem fio, cada ponto precisa receber um determinado fluxo de pacotes a uma velocidade diferente com base na sua distância do ponto de acesso.

Além disso, com o multicast, pontos da rede sem fio não possuem meios de reconhecer se um pacote de dados foi recebido do ponto de acesso. A Ruckus tinha antenas e software específicos para fazer isso funcionar, mas o multicast estava no caminho.

Esse problema afeta empresas que precisam receber vídeos de treinamento ou outros conteúdos de vídeo, mas que tenham mais de uma rede Wi-Fi. Para resolver, a Ruckus desenvolveu uma forma de detectar uma sessão multicast e, sem seguida, mudar isso para uma sessão unicast, que é um outro sistema de transmissão IP.

O sistema unicast envia um fluxo separado para cada PC, de forma que cada sessão possa ser executada no ritmo correto e, então consegue enviar pacotes de confirmação para o ponto de acesso.

A conversão de multicast para unicast é a única opção para que os vídeos sejam executados corretamente nas diversas redes Wi-Fi de uma empresa. E a técnica é amplamente utilizada, informou Paul DeBeasi, analista do Burton Group. “Não acho que ninguém fará nada muito diferente disso. Aposto que outros desenvolvedores vão olhar essa patente cuidadosamente.”, completou DeBeasi.

Para o analista da Farpoint Group, Craig Mathias, os prestadores de serviço estão apenas começando a abraçar a IPTV, mas a maioria dos consumidores e empresas que acessam vídeos e programação de TV por esse meio vão querer usar uma rede sem fios para distribuir o conteúdo para outros computadores. “Se utilizadas de forma adequada, as patentes são um meio de contribuir para a riqueza intelectual de uma sociedade. Mas empresas  podem usar iisso para atacar outras empresas, abusando do sistema”, completou Mathias.

A Ruckus é uma empresa de capital  privado, fundada em 2004. Tem atualmente 240 funcionários e concorrentes grandes, como a Cisco Systems. Seu faturamento declarado, em 2008, foi de 32,9 milhões de dólares.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail