Home > Notícias

Safari consome mais memória no Windows, diz teste

Testes de desenvolvedor apontaram o Safari para Windows com o pior desempenho em relação ao gerenciamento de memória.

ComputerWorld/EUA

30/06/2008 às 9h25

Foto:

O Firefox 3, novo navegador da Mozilla, tem uso de memória muito mais eficiente que seus rivais, de acordo com um teste independente que o avaliou contra o Firefox 2, Internet Explorer, Flock, Opera e Safari.

Em um longo post em seu site, o desenvolvedor Sam Allen anunciou que coletou os dados do aplicativo “Memory Watcher”, que ele escreveu especificamente para rastrear o uso da memória dos browsers.

Embora os testes de Allen não tenham metodologia científica - ele rodou cada navegador entre 2,69 horas e 2,91 horas, por exemplo, e declara não ter visitado exatamente as mesmas páginas com cada um - ele afirmou que as linhas gerais traçadas pelo Memory Watcher são válidas.

Mais sobre o Firefox 3:
> Baixe o Firefox 3 em português para Windows
> Fotos: veja os detalhes do novo Firefox
> Conheça as principais novidades do Firefox 3
> Compare: Firefox 3 versus IE 8, Safari 4 e Opera 9

O Firefox 3 foi claramente o vencedor, não somente porque ele usou menor quantia de memória que qualquer browser testado, mas porque o uso de memória não cresce de maneira notável ao longo do tempo. “Este browser demonstra um uso de memória que é bem menor que os outros”, disse Allen sobre o Firefox 3.

O navegador com pior desempenho foi o Safari 3.1 para Windows - Allen testou somente as versões para Windows de cada browser. “O Safari no Windows mostra gerenciamento de memória extremamente pobre”, disse.

Outros navegadores, como o IE 8 Beta 1, Flock 2 e Opera 9.5 tiveram desempenho médio quanto ao modo de gerenciar a memória, Allen argumentou. Embora seu uso de memória comece a se arrastar ao longo do tempo, o aumento foi muito mais gradual que no Safari.
++++
Navegadores são regularmente citados como “memory leaks”, termo usado para descrever o crescente aumento no uso da memória enquanto um aplicativo é utilizado. Em alguns casos, a carga da memória se torna grande o suficiente para comprometer o desempenho global de alguns computadores.

Antigas versões do Firefox, incluindo Firefox 2, por exemplo, foram criticadas por excessivos vazamentos de memória.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail